logo redação online

Como corrigir a própria Redação?

Como corrigir a própria Redação

Para os aspirantes a uma nota alta no ENEM, a habilidade de escrever e, mais crucialmente, e saber como corrigir sua própria Redação é fundamental. A missão de alcançar a nota 1000 na redação exige não apenas a prática de escrever, mas também a capacidade de autocorreção. Este guia, é projetado para ajudar você a aprimorar essa habilidade vital, aumentando significativamente suas chances de sucesso.

A redação tem um papel crucial no ENEM, contribuindo significativamente para a pontuação final. A prática de escrever redações e corrigi-las é essencial para o desenvolvimento das habilidades necessárias para atender aos critérios de avaliação do exame.

Desse modo, saber como corrigir sua própria Redação permite identificar e melhorar os erros recorrentes, além de familiarizar-se com o que os avaliadores buscam em uma redação de alto nível.

corrigir sua redação

Os avaliadores do ENEM baseiam-se em cinco competências principais ao corrigir as redações.

Cada competência, valendo até 200 pontos, abrange aspectos desde o domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa até a elaboração de propostas de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Desse modo, é crucial que cada redação atenda a esses critérios para alcançar uma pontuação alta.

Avaliar a redação segundo os padrões do ENEM envolve verificar se o texto segue a modalidade escrita formal.

Além disso, compreende a proposta de redação, e se está estruturado conforme o texto dissertativo-argumentativo em prosa.

Então, verifica-se a seleção, organização e a relação de informações, fatos, opiniões e argumentos de maneira coerente.

O método proposto para autocorreção baseia-se em responder a uma série de perguntas para cada competência, atribuindo-se pontos conforme a adequação às expectativas.

Sem dúvida, Esse processo inclui verificar o domínio da linguagem formal, a compreensão e atendimento à proposta, a organização e coerência da argumentação.

Então, ao final, soma-se a pontuação de cada competência para obter uma estimativa geral.

Avaliando a competência 1: domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa

ItensSimNão
Preferi a ordem direta das frases à ordem indireta?
Utilizei as vírgulas corretamente?
Evitei frases muito longas?
Pontuei adequadamente?
Revisei meu rascunho antes de passar a limpo?
Eliminei frases confusas?
Eliminei frases ambíguas?
Eliminei erros gramaticais?
Eliminei erros de ortografia?
Eliminei gírias e termos não formais?

Avaliando a competência 2: compreensão da proposta de redação e aplicação de conceitos das diversas áreas de conhecimento para desenvolver o tema

ItensSimNão
Li com atenção a proposta da redação?
Atendi a proposta sem desviar do assunto proposto?
Apliquei conceitos de outras áreas do conhecimento?
Articulei o tema proposto com informações de atualidades?
Apresentei argumentação?
Utilizei os conceitos das outras áreas do conhecimento para fundamentar minha argumentação?
Utilizei informações de atualidades para fundamentar minha argumentação?
Atendi a estrutura de um texto dissertativo argumentativo em prosa?
Apresentei meu raciocínio respeitando uma sequência lógica?
Revisei meu rascunho de ideias para evitar repetições e verificar se estão adequadas ao tema proposto?

Avaliando a competência 3: seleção, organização e relacionamento de informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista

ItensSimNão
Fiz um rascunho de ideias para organizá-las de maneira lógica no meu texto?
Fiz um rascunho de fatos para organizá-los de maneira lógica no meu texto?
Fiz um rascunho de opiniões para selecionar as mais adequadas e fundamentá-las em meu texto?
Deixei meu ponto de vista evidente no texto?
Apresentei um ponto de vista articulado com os fatos apresentados?
Apresentei um ponto de vista bem fundamentado?
Eliminei margem para interpretação ambígua do meu posicionamento?
Fiz o uso dos rascunhos de maneira adequada na construção do meu texto?
Defendi meu ponto de vista com fundamento e argumentação sólida?
Apresentei um posicionamento articulado com a proposta da redação e conectei com a conclusão através de uma sequência lógica?

Avaliando a competência 4: conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação

ItensSimNão
Fiz uma construção dos parágrafos de maneira articulada conectando um parágrafo no outro dando uma sequência lógica ao texto?
Eliminei qualquer sequência de palavras e frases que estejam desconectadas de sentido entre elas (causa – consequência, temporalidade, comparação, etc)?
Evitei repetições de palavras?
Apresentei as ideias de maneira conectada e sequenciada?
Fiz uso de sinônimos para retomar termos?
Apresentei a argumentação e o ponto de vista de maneira conectada com os fatos apresentados pelo texto?
Fiz uso de conectivos (portanto, entretanto, todavia, etc)?

Avaliando a competência 5: elaboração de proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos

ItensSimNão
Li com bastante atenção o tema proposto para poder apresentar uma conclusão adequada com a problemática apresentada?
Li com atenção os textos motivadores para observar o posicionamento dos autores?
Eliminei qualquer cópia de posicionamento dos textos motivadores?
Defini com clareza minha posição e fiz uma conclusão relacionada com ela?
Apresentei uma proposta de solução?
Minha proposta de solução demonstra conhecimento de mundo?
Eliminei qualquer possibilidade de minha proposta de solução parecer generalista?
Apresentei uma proposta de conclusão com um ator social evidente para executá-la?
Apresentei o efeito que se espera através da execução da proposta de solução apresentada?
Apresentei uma proposta de solução adequada com a opinião defendida no desenvolvimento do texto e a problemática levantada na introdução?

O caminho para a nota 1000 é contínuo e exige dedicação. Não se desanime com os primeiros resultados; use-os como um espelho para identificar áreas de melhoria.

A prática constante, aliada à autocorreção, é a chave para o desenvolvimento de uma escrita eficaz que atenda aos critérios do ENEM.

Por fim, a habilidade de saber como corrigir a própria redação é uma ferramenta poderosa na preparação para o ENEM.

Nesse sentido, ao compreender e aplicar os critérios de avaliação e praticar a autocorreção, você não apenas melhora sua escrita, mas também aumenta suas chances de atingir uma pontuação elevada.

Portanto, continue firme nos estudos e acredite em seu potencial e não esqueça de acessar a nossa plataforma para colocar em prática as suas habilidades de escrita!

POSTS RELACIONADOS