Oi, pessoal, tudo bem?

Hoje decidimos trazer mais alguns dicas para redação do Enem que podem ajudar vocês a conseguir uma ótima nota. O tema da vez são os recursos argumentativos.

E aí você me pergunta: mas o que é uma argumentação?

Uma argumentação é uma manifestação linguística, com enunciados que se relacionam uns com os outros e incluem uma afirmação capaz de levar a uma conclusão.

Não entendeu nada?

redação

Vamos ver, por exemplo, o que se espera na redação do ENEM em relação a isso. O participante deve ser capaz de:

  1. Selecionar diversidade de informações;
  2. Interpretar e relacionar informações;
  3. Organizar a progressão textual, evitando digressões;
  4. Relacionar seu projeto de texto em defesa de seu ponto de vista.

Ou seja, você deve fazer seu leitor refletir, tentar convencê-lo de que o que você está falando faz sentido. Você sempre deve buscar a persuasão e o convencimento.

Tá certo, mas vamos então para o que interessa?

ice cube basketball GIF by BIG3

Veja os recursos argumentativos que você pode utilizar

1. Argumento de autoridade

Para utilizar este recurso você pode fazer citações de personalidades reconhecidas e relacioná-las com o tema. Com isso, seu texto terá mais credibilidade, pois se baseia na opinião de um especialista. Mas, lembre-se: a citação deve estar relacionada com o tema! Não adianta nada trazer um pensador famoso, que está falando sobre um tema completamente diferente daquele pedido pela banca.

2. Argumento de consenso

Neste caso, você se baseia em ideias e valores aceitos como verdadeiros na sociedade, por um grupo social. É importante destacar que, neste caso, as ideias se assemelham a evidências do discurso científico. Aqui você não precisa trazer provas sobre o que está dizendo. Por exemplo, se você estiver falando sobre educação, e disser que “deve-se investir em educação para que haja desenvolvimento do país”, estará utilizando um argumento de consenso.

3. Argumento de provas concretas

Aqui você deve apresentar dados concretos para comprovar a sua tese (lembra que já escrevemos sobre a tese aqui?). Os dados podem ser retirados de órgãos oficiais, levantamentos estatísticos, relatórios e pesquisas. Lembre sempre de trazer uma fonte confiável.

4. Argumentação lógica

Se baseia em operações de raciocínio lógico, como implicações de causa e consequência.

5. Exemplos

Para defender seu argumento você pode trazer exemplos que te ajudem nisso. Mas, evite a colocação excessiva de exemplos. Um para cada argumento já está bom, ok? É importante não perder o viés argumentativo.

E agora, entendeu tudinho?

É importante que você utilize diversos recursos argumentativos em um mesmo texto. Inserir apenas recursos de consenso, por exemplo, não vai te ajudar a construir uma argumentação rica. Tente intercalar os recursos.

Depois das dicas você ficou animado pra escrever? Então essa é a hora de conhecer nossos planos e começar a praticar!

QUERO APRENDER REDAÇÃO!


Leia mais:

5 dicas para uma boa argumentação

Receita infalível pra se dar bem na redação do ENEM nesse ano

Como sair do senso comum?

Por que eu não consigo tirar 1000 na redação do Enem?

Comentários do Facebook