SOMENTE HOJE: 15% OFF usando o cupom APROVADO15 em todos os planos!
Tema de Redação: A banalização do coaching

Como escrever uma redação mais coesa no Enem

Manual de redação coesa do Inep traz dicas de coesão para mandar bem na competência 4 A competência 4 da redação do Enem analisa a capacidade do candidato de demonstrar que possui conhecimento sobre os mecanismos linguísticos necessários para um adequado encadeamento textual. Por isso, observe quais marcas linguísticas o candidato usa para isso.  Para garantir a coesão textual, é importante que a redação tenha algumas características específicas. A Cartilha do Participante – A Redação do Enem 2022, explica quais são elas: Estruturação dos parágrafos: um parágrafo é uma unidade textual formada por uma ideia principal a qual se ligam ideias secundárias. No texto dissertativo-argumentativo, os parágrafos podem ser desenvolvidos por comparação, por causa-consequência, por exemplificação, por detalhamento, entre outras possibilidades. É importante que exista uma articulação explícita entre um parágrafo e outro; Estruturação dos períodos: período nada mais é do que um enunciado que tem sentido completo. Desse modo, uma ou mais orações pode formar o enunciado. Além disso, em um texto dissertativo-argumentativo, os períodos do texto são, normalmente, estruturados de modo complexo. Isso significa que eles são formados por duas ou mais orações, para que se possam expressar as ideias de causa-consequência, contradição, temporalidade, comparação, conclusão, entre outras;

Leia mais »
estudante escrevendo

Como citar repertórios socioculturais na redação do Enem?

Muitos candidatos citam repertório da forma errada sem saber. É a hora de você saber como citar repertórios socioculturais na sua redação do Enem do jeito certo!  Por que é importante usar repertório na redação Enem? Tudo que você viveu na vida, que você ouviu, leu e aprendeu serve como repertório sociocultural para o Enem. É uma forma de mostrar ao corretor tudo que você aprendeu até o momento e que tem a ver com o tema. Por isso você precisa incluir repertório na sua redação Enem! Mas se você tiver um repertório sociocultural com fonte confiável… aí você pode conseguir a máxima pontuação no repertório do Enem! Repertório com fonte garantida prova que você não está inventando nada: está reproduzindo o que alguma autoridade disse ou o que um fato indiscutível comprova. Mas e se você não tem esse repertório confiável? Fique tranquilo: ainda assim é possível conseguir a nota máxima para repertório no Enem. Uma dica é aproveitar as listas de fontes de repertório, como a que está no final deste artigo, por exemplo. Não, não é só decorar e pôr na redação – isso pode até prejudicar sua nota! Você precisa ter alguns cuidados que vamos ensinar

Leia mais »
corretor-do-enem

10 segredos que os corretores do Enem não te contam

Corretores de redação do Enem são gente cheia de segredos.  A equipe do Redação Online descobriu 10 segredos que os corretores do Enem não te contam! Está tudo neste artigo! 1. Segredos corretores Enem: O corretor tira pontos se você separar sílabas assim Translineação é quando você separa as sílabas de uma palavra, deixando parte dela numa linha e parte na linha de baixo.  Como você faz isso? Se você faz assim então os corretores mandam avisar que esse tracinho sob a linha não é aceito, ok? O tracinho correto é um hífen, então fica no meio do espaço entre linhas, não abaixo da linha.  Tracinho abaixo da linha não existe no português. Fazendo esse tracinho tão inocente abaixo da linha você certamente perde  pontos na competência 1! 2. O corretor tira pontos se você esquecer esta pontuação  Veja esta frase: “As informações que seguimos têm um algoritmo, na maioria das vezes.” Agora veja esta: “As informações que seguimos têm, na maioria das vezes, um algoritmo.” Nós mudamos a posição do adjunto adverbial na maioria das vezes. O segredo que corretores não contam é que adjunto adverbial no meio da frase precisa vir entre vírgulas. O corretor não vai tirar

Leia mais »
Como usar a série 13 REASONS WHY em suas redações?

Cinco dúvidas sobre a redação do Enem respondidas pelo Inep

A redação precisa ter título? O que é considerado fuga do tema? Existe muitas dúvidas sobre a redação do Enem! A Cartilha do Participante – A Redação do Enem 2022 é uma das ferramentas mais importantes para os estudantes inscritos no exame. É nela que o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) reúne as principais orientações para a prova e dá, afinal, o caminho das pedras para a nota mil.  Para completar, a cartilha reúne ainda exemplos de redações que alcançaram a nota máxima na última edição do exame, comentadas pelo Inep.  Veja abaixo algumas das principais informações trazidas pelo manual. Redação do Enem precisa de título? É verdade que o Enem não exige um título para a redação. Isso não significa, no entanto, que o aluno não possa colocar um. A regra é clara, segundo o edital do exame: o título é opcional. Mas atenção: embora você não vá ganhar pontos por colocar um título, você pode perder caso escolha um inadequado. Segundo o Inep, se o seu título apresentar desenhos, sinais gráficos sem função evidente, impropérios e outros elementos passíveis de eliminação, sua redação pode levar nota zero.  O que é considerado desvio da

Leia mais »
adolescente estudando laptop

Estudantes opinam: é melhor cursinho online ou presencial?

É importante levar alguns fatores em consideração, como investimento financeiro e infraestrutura! Confira: Os vestibulandos dos últimos anos não tiveram muita opção: inevitavelmente, precisaram se adequar às aulas online para se preparar para as provas. Mas conforme a pandemia deu uma trégua e as atividades presenciais retornaram, surgiu uma nova dúvida. Então, será que voltar aos cursos preparatórios presenciais é mesmo a melhor alternativa? Conversamos com estudantes que escolheram entre os dois modelos, presencial e online, e listamos as principais vantagens e desvantagens de cada um deles.  Mas antes dois avisos: o primeiro é que essa não é uma verdade universal, e cada estudante pode se adaptar melhor a um formato. E a segunda é que não existe melhor ou pior nessa, já que tanto o cursinho online quanto o presencial oferecem suporte para aprovação do estudante.  Sérgio Paganim, diretor do curso Anglo, reforça que não há diferença entre as duas formas quando se trata de objetivos: ambas têm como finalidade a aprovação do candidato. E os resultados dos vestibulares do último ano mostram isso. “O primeiro lugar em Medicina na USP Pinheiros, em ampla concorrência, foi nosso aluno do cursinho online. E o primeiro colocado em Medicina na USP,

Leia mais »