ENEM 2021: Análise do tema de redação

por | nov 26, 2021

Início » Temas e Repertórios » ENEM 2021: Análise do tema de redação

O tema da redação surpreendeu você? Confira a análise que fizemos sobre o tema do ENEM 2021: “Invisibilidade e Registro Civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil”.

 

O primeiro dia do ENEM 2021 aconteceu neste último domingo (21) e contou com a prova de redação que seguiu a tradição do exame e trouxe um tema relevante para a justiça social: “Invisibilidade e Registro Civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil“. Assim como todo ano, as/os participantes tiveram que desenvolver um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema proposto.

Segundo as coordenadoras pedagógicas do Redação Online, Misraely Wolfart e Juliane Motta, em um primeiro momento a frase temática preocupou por se tratar de um tema distante do esperado e pouco conhecido pelos/as participantes. Por outro lado, elas acreditam que os textos motivadores foram bem esclarecedores e cumpriram com o seu papel de apoio.

Para você entender a temática, os possíveis argumentos e intervenções que poderiam ser apontados, confira a nossa análise do tema de redação do ENEM 2021. Boa leitura!

 

Palavras-chave da frase temática

 

Atentar-se às palavras-chave da frase temática é a primeira tarefa que todo/a participante deve fazer para se sair bem na redação do ENEM, pois é a partir delas que a produção textual deve se guiar.

A frase proposta pelo Inep foi “Invisibilidade e Registro Civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil”. Portanto, você deveria dar atenção às palavras “invisibilidade”, “registro civil” e “cidadania”.

Observe que a primeira palavra da frase temática, “invisibilidade”, já indica o problema do tema: a exclusão social (neste caso, de pessoas sem o registro civil). Então, se você interpretou essa palavra e abordou ela ou algum sinônimo dela – como exclusão ou marginalização – , pode se tranquilizar porque você provavelmente já se deu bem na redação!

Quanto à palavra “registro civil” se refere ao assunto da redação e a palavra “cidadania” direciona para a importância de garantir esse registro: ser reconhecido pelo Estado como cidadão.

 

Análise dos textos motivadores do Enem 2021

 

A banca do Inep escolheu quatro textos motivadores para o tema, que você pode acessar aqui, sendo que os dois primeiros abordaram o conceito de invisibilidade social e apresentaram boas informações para situar o/a participante sobre o recorte temático.

O texto 1 era um trecho de uma tese de doutorado sobre invisibilidade social e registro civil que descrevia uma cena observada pela autora na Vara da Infância e Juventude do Rio de Janeiro: a espera incansável de pessoas pobres, marginalizadas e na maioria negras para serem atendidas e conseguirem fazer a certidão de nascimento.

O texto 2 dizia que o registro de nascimento é gratuito no Brasil e, também, apresentava o mapa da invisibilidade que destacava a região sudeste como a que possui mais pessoas sem registro. Observa-se que a partir da informação da gratuidade do documento, era possível pensar em outros motivos para que o registro seja inacessível: a desigualdade regional e a falta de informação, por exemplo.

Já o texto 3 informava que a certidão de nascimento é um documento fundamental para a pessoa adquirir outros documentos civis, como o CPF, RG, a CLT e o título de eleitor. Além disso, salientava que a certidão de nascimento é o documento necessário para que o Estado reconheça a pessoa como cidadã.

Para finalizar, o texto 4 representava a luta dos defensores/as públicos/as pelo direito à documentação pessoal e trazia um cartaz com os dizeres “Onde existem pessoas, nós enxergamos cidadãos”.

 

Possíveis argumentos para o tema

 

Para a construção da tese, era possível fazer uma abordagem de causa e consequência, explicando o motivo do alto índice de sub-registros (pessoas sem registro) e a consequência que já foi dada na frase temática: a invisibilidade social.

Diferente das outras edições do Enem, o tema de redação era amplo e não trazia um recorte específico. Sendo assim, há muitos argumentos que poderiam ter sido utilizados na redação, pois o registro civil envolve praticamente o direito a tudo: educação, saúde, trabalho digno, voto, entre outros.

Veja abaixo alguns argumentos que poderiam ser utilizados:

  • burocracia: para conseguir certidão de nascimento, principalmente quando se é adulto, existe muita dificuldade no acesso (problema que poderia ser observado no texto 1);
  • desigualdade regional: poderia ser relacionada à dificuldade de acessar os cartórios, que geralmente se localizam muito longe da zona rural;
  • analfabetismo: está associada à falta de informação sobre a importância de obter a certidão de nascimento e, além disso, como apontado no texto 3, as pessoas que não têm registro não possuem acesso à educação;
  • ciclo da pobreza: geralmente quando uma pessoa da família não tem acesso ao registro civil, a família inteira também não acessa, o que influencia no índice de pessoas não registradas e no ciclo da pobreza;
  • abandono parental: antigamente se exigia a presença do pai para registrar um filho, mas agora não precisa mais. Ainda assim, muitas mulheres não fazem o registro porque querem inserir o nome do pai e ficam na espera;
  • direito à vacina: as pessoas sem registro civil também não possuem direito à vacina, o que poderia ser relacionado à Covid-19;
  • direito a benefícios sociais: pessoas sem registro não possuem o direito à Bolsa Família, por exemplo, e até mesmo ao auxílio emergencial que foi oferecido durante a pandemia;
  • pessoas em situação de rua: também era possível fazer uma relação com as pessoas em situação de rua que muitas vezes não são registradas e, consequentemente, não possuem acesso ao SUS e a um trabalho digno;
  • democracia: pessoas que não tem registro civil não possuem o direito ao voto, ou seja, elas não exercem um direito fundamental em um país que se diz democrático.

O tema é bastante amplo, não é mesmo? A partir dos argumentos apontados, o/a participante deveria propor uma solução para o problema – a chamada proposta de intervenção. Veja a seguir algumas possíveis medidas!

 

Possíveis propostas de intervenção

 

Diferentes agentes da esfera governamental e do terceiro setor poderiam ser mobilizados na proposta de intervenção. A única exigência é que a solução proposta estivesse completa – incluindo ação, agente, modo, efeito e detalhamento – e relacionada aos argumentos utilizados no desenvolvimento.

Por exemplo, se você argumentou que o problema é a falta de acesso, o Ministério da Cidadania poderia ser utilizado para promover a construção de locais de registro civil em regiões desfavorecidas, assim como as ONGs poderiam atuar realizando mutirões para o combate ao sub-registro nessas regiões, pois essas seriam algumas formas de levar acesso às pessoas.

 

Além deste artigo, preparamos também um vídeo analisando o tema! Confira:

https://www.youtube.com/watch?v=9a7pSmLpoVg

 

Essa foi a nossa análise do tema de redação do ENEM 2021! Na próxima semana, vamos indicar alguns repertórios sobre o tema aqui no blog. Fique de olho!

Agora, queremos saber: o que você achou do tema? Você conseguiu desenvolver a redação? Acreditamos que você deve estar ansioso/a para descobrir a sua nota, não é mesmo? Então, conte com a gente! Envie o seu rascunho de redação em nossa plataforma e receba corrigida com a nota em até 3 dias úteis!

 

Marina Dias

Bacharela em Letras Língua Portuguesa e Literaturas pela UFSC, revisora de textos e redatora.

Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM