O desconto do plano APROVADO EM 2021 termina em: dias horas minutos segundos

ENEM 2019 : Democratização do acesso ao cinema no Brasil

 Promulgada pela Organização das Nações Unidas em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos (DUDH) garante a todos os indivíduos o direito à cultura e ao bem-estar social. Entretanto, a falta de incentivo de acesso ao cinema brasileiro prejudica na acessibilidade cultural, dificultando, assim, na manutenção das seguridades da população. Nesse sentido, há fatores que impulsionam essa problemática, como a pirataria e o baixo investimento.


 Primeiramente, o cinema é um local que oferece o acesso facilitado aos filmes nacionais e internacionais, sendo um espetáculo recheado de diversão, conhecimento e cultura. No entanto, segundo o site Meio e Mensagem, menos de 40 milhões de brasileiros frequentam constantemente as telonas. Por certo, diversos são os responsáveis por esse dado baixíssimo, como, por exemplo, a pirataria. Com isso, a ação de piratear um filme, além de mais barato, facilita a navegação em um acervo gigantesco de conteúdo cinematográfico, tornando-se um grande atrativo. Consequentemente, tem-se baixos números de telespectadores visto que, gradativamente, a população adere a esse crime e não se dirige mais os cinemas. Por isso, é extremamente necessária uma intervenção nessa ação criminal, para incentivar a sociedade a recorrer aos meios legais de acesso cultural.


 Por outro lado, várias regiões brasileiras sofrem com o acesso aos cinemas pela inexistência de salas para as populações interioranas, apresentando como agravador dessa situação o baixo investimento na infraestrutura, afetando negativamente o lazer dos indivíduos. Ademais, é fundamental retomar os investimentos nessa área, possibilitando, assim, um acesso mais democrático e descentralizado para o território do Brasil.


 Fica evidente, portanto, que é necessário amenizar esse problema. Em virtude disso, urge que o Governo Federal deve, por meio de incentivos fiscais, levar as grandes franquias de salas de cinema para as principais regiões interioranas que ainda não possuem, com o objetivo de democratizar o acesso à cultura. Além disso, deve-se incentivar, nas redes sociais, a adesão das carteirinhas do estudante e do idoso, uma vez que oferecem descontos e diminuem a pirataria. Após isso, será possível garantir os direitos previstos na DUDH.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!