SOMENTE HOJE: 15% OFF usando o cupom APROVADO15 em todos os planos!

TEMA DE REDAÇÃO – Transporte público no Brasil

Transporte público no Brasil

Com base nos textos motivadores abaixo, produza um texto dissertativo argumentativo sobre o tema: Transporte público no Brasil.

Texto 1

Atualmente no Brasil estamos enfrentando grandes problemas relacionados principalmente com o transporte público, esses problemas vão desde a má prestação de serviços pelas empresas de transporte coletivo, ao grande número de veículos que não param de aumentar transitando por nossas cidades e centros urbanos.

Se fossemos enumerar a quantidade de problemas que sofre a nossa sociedade hoje, em virtude dessa desordem urbana relacionada com o trânsito, um artigo apenas seria muito pouco para tanto. Estudos comprovam que um dos meios de transporte mais seguro e de baixo custo para a população é o transporte ferroviário.

Países de primeiro mundo utilizam esse meio como um dos principais para transporte de passageiros e de cargas, o Brasil mesmo já comprovou essa eficiência a vários anos atrás. Mas, para incentivar a produção de veículos de carga e o transporte rodoviário, deixou de lado a manutenção e o interesse pelo transporte ferroviário.

Diante desses fatos apresentados ficam os seguintes questionamentos: Quem ganha com a desativação e privatização da rede ferroviária? Por que as autoridades competentes não elaboraram ainda algum tipo de programa visando à reativação desse serviço? Já que sabemos que além de melhorias na qualidade, pode também prestar um serviço a preço acessível à população.

Fonte: https://meuartigo.brasilescola.uol.com.br/atualidades/transporte-publico-no-brasil.htm

Exemplo

  Tarifa alta, desconforto, atrasos: essas são algumas dificuldades enfrentadas por quem precisa pegar um ônibus. A má gestão desse setor acaba entregando um serviço de péssima qualidade. O transporte público no Brasil é um descaso com a sociedade e com o meio ambiente.
   Inicialmente, com as facilidades da vida moderna para se obter um carro e os poucos benefícios oferecidos pelo deslocamento coletivo, muitos indivíduos acabam optando por utilizar seu próprio automóvel. Logo, o principal debilitado é o meio ambiente que acaba recebendo mais poluentes por conta da queima de combustível de um número maior de veículos circulando. Ademais, segundo dados da Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), 72% de toda a energia consumida em transportes em um ano foi gasta por automóveis. Portanto, evidenciando mais uma forma de sobrecarga de uso, que poderia ser evitado, do ecossistema.
   Em seguida, é comum ver diariamente engarrafamentos colossais que acabam prejudicando a trajetória dos motoristas e passageiros. Isso significa que o sistema rodoviário não comporta o fluxo de pessoas que se movem por ele. Desse modo, de acordo com o site G1 o Brasil perde, em média, mais de R$ 267 bilhões por ano por causa dos congestionamentos no caminho para o trabalho. Sendo assim, ao pagar para utilizar o autocarro ou o metrô o brasileiro está contribuindo para lesar o país e por conseguinte a si mesmo.
     Portanto, medidas são necessárias para transformar esse cenário. Cabe ao Governo Federal junto ao Ministério da Infraestrutura revitalizar e expandir as malhas ferroviárias reservando uma parte do erário com a função de colocar em prática esse projeto, para que as vias públicas sejam desobstruídas.  Além disso, o Ministério do Meio Ambiente deveria promover a criação de um aplicativo para que as pessoas pudessem controlar a poluição causada por seus veículos.