ENTRAR NA PLATAFORMA
Poluição do ar e seus impactos na saúde da população

Um dos direitos promulgados na Constituição Cidadã é o direito ao meio ambiente. Todavia, o crescimento do Setor Primário e Secundário, benéficos à economia, atuam diretamente na diminuição do bem estar dos brasileiros. Assim, deve-se analisar os principais impactos da poluição de oxigênio no país. 


Em primeira análise, o aumento crescente de fábricas no Brasil, que é emergente, influencia na degradação do ar atmosférico. Com a concentração de empresas no sudeste do país, como consequência das políticas de Vargas, a população enfrenta problemas, sobretudo, no aparelho respiratório. Pois, a Inversão Térmica, em que o excesso de poluentes faz com que o ar não circule, provoca alergias e danos crônicos, como asma, aos indivíduos.


Outrossim, nas localidades onde a indústria agrícola é forte também há impasses. Hodiernamente, o Brasil exporta, massivamente,  bovinos - prática herdada desde a Colonização. Por conta disso, a criação  de gado produz metano em larga escala e esse gás prejudica a comunidade rural, porque pode causar asfixia e paradas cardíacas àqueles que o inalam. 


Diante do elencado, mudanças são necessárias para minimizar os problemas causados pela poluição do ar. Portanto, cabe ao Ministério do Meio Ambiente (MMA), por meio de subsídios à urbanistas, influenciar a Arquitetura Ecológica no sudeste, para que o ar possa se movimentar melhor, a fim de diminuir a incidência de doenças. Ademais, o MMA, aliado à Mídia, deve motivar o consumo consciente de carne, nos meios de comunicação, a fim de que, posteriormente, a produção de metano diminua.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde