O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O agronegócio como ameaça ao meio ambiente

Segundo Caminha, quando Pedro Álvares Cabral atracou em nossas terras, o que primeiro chamou a atenção dele e dos portugueses no navio foram nossas belezas naturais e diversidade biológica. Mas, esses prodígios brasileiros estão se esvaindo com o avanço do agronegócio e precisamos decidir se isso é bom ou não.

Em primeiro lugar, temos que saber que, economicamente, o Brasil depende da agropecuária. Segundo dados da OMC, em 2010 o Brasil foi o maior exportador agrícola do mundo. Ou seja, á agricultura gera emprego e renda para milhões de pessoas.

Mas, apesar disso, os danos ambientais que a expansão agrícola causa são gigantescos. O ministério do Meio Ambiente diz que esse avanço é o principal fatos ameaçador de extinção de espécies em todos os biomas brasileiros. E, em um país tão rico em diversidade biológica, isso é terrível.

Além de ameaçar a fauna, o plantio desgovernado também é um risco para a maior reserva de água doce do mundo. O setor agropecuário é campeão em uso e desperdício de água, onde chegam a ter 70% de todo o consumo do fluído. Isso ocorre porque os agricultores muitas vezes não fazem um bom manejo da irrigação.

Fica claro, portanto, que o avanço desenfreado do agronegócio precisa ser revisto. Para isso, é necessário que haja, por parte do governo, criações de mais área protegidas e que se proíba ali a agricultura; É papel das instituições internacionais, como a ONU, pensar em políticas públicas que travem o uso indevido dos recursos naturais. Desse modo, quem sabe, nossas belezas naturais possam continuar chamando atenção de quem chegue por aqui.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!