O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Crise penitenciária no Brasil

A ideia de que bandido bom é bandido morto, embora não condizente com os direitos humanos, faz parte da construção de pensamento de uma parcela da sociedade brasileira. Esse fator, é apenas um dos reflexos do ineficaz sistema penitenciário, que não consegue realizar uma reabilitação adequada dos criminosos.
Um dos principais motivos, que influenciam na crise prisional é a questão da superlotação, por conta do aumento exponencial de detentos, o que impede, que se tenha um espaço ideal para cada individuo. Além disso vale lembrar que, muitos destes não recebem a devida atenção do que diz respeito aos processos de reintegração social e educacional.
Outra questão a ser levada em consideração, é sobre os efeitos que este sistema reflete, como sendo um deles, o descaso com a saúde dos detentos, pelo fato destes não receberem a devida assistência médica. Além disso, vale ressaltar o sentimento de ódio que eles sentem, que é reforçado pela falta do necessário cuidado reintegrador, não trazendo sua recuperação.
Portanto, é evidente que o sistema prisional precisa urgentemente de mudanças, e para isso é importante que Ministério da Justiça (MJ) em parceria com o Ministério da Educação (ME), intensifique os políticas de reintegração social, de forma a desenvolver cursos profissionalizantes, para que os indivíduos possam ter uma forma de trabalho digna quando forem libertos, também o MJ juntamente com o Ministério da Saúde (MS), proporcionar uma assistência clínica mais completa, para cuidar dos aspectos físicos e psicológicos dos presos.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!