logo redação online

TEMA DE REDAÇÃO – APROPRIAÇÃO CULTURAL NO BRASIL

APROPRIAÇÃO CULTURAL NO BRASIL

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema APROPRIAÇÃO CULTURAL NO BRASIL, apresentando proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Texto 1

No dicionário, apropriação é descrita como o ato ou efeito de apropriar-se, tornar próprio. No contexto, apropriação cultural vem do ato de adotar elementos próprios de um cultura diferente, incorporando-o em um determinada cultura. O ato também pode ser conhecido como “aculturação” ou “assimilação”. Ela pode incluir a introdução de formas de vestir ou adorno pessoal, música, arte, religião, língua, ou comportamento social. Nem sempre essa apropriação cultural é vista com bons olhos pelos elementos da cultura dominante.

Fonte: https://www.estudopratico.com.br/apropriacao-cultural/ 

Exemplo

Como se pode ver na literatura jesuítica do Quinhentismo brasileiro, o indígena sofreu grande intervenção religiosa durante a colonização do Brasil, perdendo parte de sua cultura no processo. No contexto nacional atual, o processo se repete, causado principalmente pela desinformação e falta de representatividade dessas minorias culturais.

Nessa perspectiva, é notável como a ignorância em relação às culturas variadas que existem no Brasil é um fato que se deve principalmente à carência de educação representativa no sistema de ensino. Pois, se crianças e adolescentes tivessem acesso desde cedo a história e cultura de outros estados brasileiros e países, a desinformação, e o preconceito que acompanha, seriam combatidos

“Cultura não é ler muito, nem saber muito; é conhecer muito”, a fala do poeta Fernando Pessoa se encaixa nesse contexto pois é possível notar como as minorias tem pouca representatividade nos meios de comunicação, indústria e mídias sociais, sendo assim mais uma ferramenta na alienação do povo brasileiro.

Portanto, é imprescindível a importância de integrar as minorias culturais e combater a desinformação e o preconceito do povo brasileiro, que pode ser feita através de propaganda e posts em meios de comunicação como a televisão e mídias sociais. Consequentemente, é dever do Estado, principal promotor da harmonia social, promover essa representatividade.