O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Voto facultativo no Brasil

Percebe-se que, no Brasil, os debates acerca do voto facultativo estão cada vez mais presentes. Nesse contexto, é imperioso analisar as consequências dessa questão. Desse modo, dois fatores fazem-se relevantes: a má administração política e o desrespeito às leis.
Em primeiro lugar, segundo o filósofo Aristóteles, a política deve ser utilizada de modo que, mediante a justiça, o equilíbrio seja alcançado na sociedade. Diante desse nexo, observa-se que a má administração política -antagônica à alegoria de Aristóteles- praticada pelos governantes do país é uma grande motivadora para que vários cidadãos deixem de acreditar nas propostas de políticos e, dessa forma, optem pelo voto nulo ou branco. Nesse sentido, o voto facultativo é indispensável, haja vista que os brasileiros mostram a necessidade de poderem escolher participarem ou não de uma eleição.
Ademais, conforme a Carta Magna, todos têm direitos iguais perante à lei, independente de cor, raça ou gênero, sendo a liberdade também garantida por lei. No entanto, verifica-se que há uma hipocrisia da parte do Estado, pois assim como ele cria as leis, ele as infringe, uma vez que, ao invés de proporcionar o voto facultativo, ele obriga as pessoas a votarem, ainda que elas não queiram, retirando, dessa maneira, a liberdade de escolha dos indivíduos.
Em face do exposto, intentando um país mais justo, consoante o pensador Auguste Comte, é preciso saber prever a fim de prover. Assim, o Ministério da Justiça e a Câmara Legislativa devem realizar projetos que visam substituir as leis de voto atuais pelo voto facultativo, além de criar regulamentos rígidos para que os infratores de direitos sejam punidos, por meio de políticas públicas e planeamentos, com intuito de garantir a liberdade decisória do cidadão. Para mais, o Estado deve mudar sua postura política, com fito de estabelecer a justiça na nação e honrar o voto da comunidade canarinha.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!