O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Visibilidade indígena em questão no Brasil

Ainda que a Constituição Brasileira assegure os direitos civis de maneira igualitária a todos os cidadãos nascidos no Brasil, a comunidade indígena ainda sofre com o fenômeno da invisibilidade social, que em sua essência é o reflexo do passado de exploração e domínio que marcou a história dos povos nativos brasileiros.
Desde 1500, ano em que os primeiros portugueses desembarcaram onde compreende-se atualmente a costa baiana, os povos indígenas sofrem com a subversão sistemática de sua cultura e identidade. Descritos como animais primitivos e selvagens na carta de Pero Vaz de Caminha à Corte Portuguesa, têm esse estereótipo arraigado à sua imagem.
Por tal, mesmo com os avanços do Estado em preservar as reservas ambientais para as tribos que as reivindicam, ainda existe um grande impasse entre as comunidades indígenas e os grandes latifundiários, o que gera violentos conflitos por terras. De outro lado, ao se inserirem em contexto urbano, sofrem com o preconceito e, não obstante, acompanham sua identidade cultural ser dissociada de sua imagem. Assim, mesmo sendo historicamente os primeiros a se apossarem das terras brasileiras, não possuem na atualidade um território que os permita exercer sua cidadania e tenham sua cultura respeitada, tornando-se verdadeiras sombras da formação do povo brasileiro.
Segundo Willian Hazlitt, escritor humanista inglês, "O preconceito é filho da ignorância". Portanto, para combater a invisibilidade dos índios no Brasil, é importante que o Estado insira no currículo escolar assuntos sobre a cultura indígena e seu legado para a identidade nacional. Assim, formaram-se jovens e adultos mais tolerantes, acabando com o preconceito.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!