O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Violência nos estádios

É de conhecimento geral que o futebol é a grande paixão popular de muitos, é uma manifestação cultural que se transformou em uma característica, principalmente, do povo brasileiro. No entanto, os estádios de futebol têm sido palcos de confrontos entre torcedores e, portanto, a falta de segurança e de leis mais severas para a construção de um ambiente pacífico proporcionam às pessoas a deixarem de frequentar os espetáculos por medo da violência.
Atualmente, observa-se que existe uma cultura de violência, mas no caso brasileiro, ela é mais aguda, o Brasil apresenta o maior número de mortes de torcedores por conflitos em torcidas organizadas, segundo o sociólogo Maurício Murad. A impunidade é a grande aliada dos agressores, esses que se entendem na liberdade de agir de forma grotesca e, assim, confirmam o pensamento de Hobbes "o homem é o lobo do homem".
Por outro lado, a Inglaterra é um exemplo de como acabar com a violência nos estádios. Após uma tragédia em 1989 que matou 96 torcedores esmagados, o governo inglês adotou uma série de medidas que trouxeram segurança no esporte, dentre essas medidas se destacam o monitoramento de cada torcedor ao entrar no estádio e o eficiente policiamento. Assim, todos podem ir ao estádio pois este se tornou um ambiente pacífico, agradável e seguro.
Dessa forma a implantação de medidas para a construção de ambientes seguros e amenos é fundamental. O Estado deve impor leis de medidas repressivas, preventivas e reeducativas aos torcedores; a mídia mobilizar e realizar campanhas que exaltem a importância da paz nos estádios; e à família cabe o dever de ensinar a seus filhos a importância do respeito ao próximo, além de preparar a criança para a aceitação das diferenças.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!