O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

A internet e os novo meios de comunicação promoveram grandes melhorias para o entretenimento, lazer e aprendizado da população, porém, o mundo virtual abriu um novo caminho para a prática de diversos crimes, inclusive a pedofilia.
Tornou-se mais fácil pessoas com uma faixa etária de 40 anos ou mais se passarem por adolescentes através de falsos perfis dentro das redes sociais, e com isso, aproveitando-se da inocência dos menores para alicia-los com promessas e outros meios ardilosos para que sejam atraídos aos locais onde o crime será executado. Seguindo a questão do meio virtual, ainda se tem uma grande exposição da criança e do adolescente à conteúdos adultos e pornográficos, fato que colabora para a potencialização de atos perversos contra a dignidade, segurança e bem estar infantil.
No entanto, o problema não está restrito somente ao mundo digital, pois os abusos ocorrem nos mais diversos ambientes, podendo ocorrer dentro dos lares, sejam eles cometidos pelos próprios parentes da vítima, por vizinhos ou amigos. Seria cabível a adoção de punições mais rígidas para esse tipo de crime, mas o Brasil possui somente 5% dos crimes solucionados, independente de sua natureza, de acordo com o Jornal da Globo, por um levantamento feito em 2014.
Entretanto, um primeiro passo foi dado para reverter esse quadro, por meio de uma medida adotada pela Polícia Civil de São Paulo, que possui um programa desenvolvido pelos Estados Unidos, no qual rastreia e identifica potenciais pedófilos, facilitando o trabalho para deter esses criminosos. Mas cabe principalmente aos pais proporcionar uma melhor educação aos filhos, impondo-lhes limites ao conteúdo acessado na internet e aplicativos de celulares, à fim de conscientiza-los sobre os perigos que esse meio pode proporcionar.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!