O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Na obra literária Vidas Secas, do autor Graciliano Ramos, é exposta uma série de problemas sociais que tem origem em um mal comum: a desigualdade. Fruto da superioridade imposta dos homens sobre os homens, a desigualdade social é sinônimo dos infortúnios que assolam parte representativa da população.
Viventes de um país que está inserido em um sistema social que corrobora os problemas de sua sociedade e os mascara através do ideal de globalização perfeita, de acordo com o geógrafo Milton Santos, eles são induzidos à crença na culpa por sua própria miséria. O sistema demanda mais pobreza e menos instrução, de forma a sustentar um corpo social que mantenha seus olhos fechados para o rumo que o país segue. Nesta perspectiva, segue uma política de pão e circo, onde, não raramente, há apenas o circo.
Desta forma, é importante frisar a inserção de um elemento agravante da situação brasileira: a dramática crise econômica e social que avassala o país. Responsável pela primeira queda na média salarial em anos, de acordo com o índice de Gini, que mede a distribuição de renda, mais famílias sentem fome, mais trabalhadores perdem seus empregos e menor é a qualidade de vida.
Diante dos argumentos supracitados, o governo deve atuar mediante reformas na legislação tributária, de forma a diminuir a diferença entre lucros bruto e líquido dos trabalhadores. Outra aposta válida é a criação de estágios remunerados e programas de inserção do jovem no mercado de trabalho, como o Jovem Aprendiz, em parceria com as empresas do município, visando o crescimento da renda familiar.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!