O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: O impasse da educação no Trânsito no Brasil.

A evolução automotora no Brasil chegou após a Segunda Guerra Mundial, por volta de 1945. Desde então, com o avanço econônico, esse meio de transporte ficou cada vez mais acessível. Mas, na atualidade, percebe-se que o que o crescimento do número de automóveis no Brasil não veio atrelado a educação no trânsito. A quantidadde de acidentes registrados nas ruas e rodovias do país reflete esta realidade.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o 4° país do mundo no ranking de mortes no trânsito. Pode-se dizer que estas mortes estão relacionadas ao Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que tem como base a renda, a qualidade de vida e a educação. Com o IDH afetado, principalmente na área da educação, a dificuldade de reduzir as taxas de acidentes do país ainda são grandes.

Mas embora enraizado, a falta de educação no trânsito brasilerio não é imutável, a prova disso são os resultados adiquiridos após a criação da Lei Seca, que apesar de não resolver grande parte dos problemas no tráfego, ajuda o cidadão a adiquirir consciência mostrando a importância da prudência. Esta reflexão acaba se expandindo para todas as situações de risco, como um todo.

Mas para que o cidadão fique consciente da importância da prudência no trânsito, é necessário que a educação neste meio não se limite apenas a ensinar as regras de circulação. Paulo Freire já dizia que ? se a educação não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda?, de modo que vê-se necessário a introdução de novas medidas educacionais, levando a educação no trânsito para a base do ensino.

Portanto, a partir do problema relatado, é necessário que o Ministério da Saúde, Educação e Transportes elaborem medidades preventivas que ajudem a mellhorar a situação do trânsito no país, além disso, o Governo Federal deve intensificar a fiscalização nas ruas e rodovias. A mídia, como um veículo de comunicação em massa, deve ajudar a mobilizar a sociedade, contribuindo para a formação de cidadãos responsáveis. E a família, como base formadora, deve se juntar a escola para ajudar na construção da mudança desssa realidade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!