O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: Os desafios do consumo consciente no Brasil contemporâneo
Desde os processos denominados "revoluções industriais" e a ascensão do capitalismo, o mundo vem demasiadamente priorizando o consumo em detrimento de bens essenciais para o homem, como a saúde e o meio ambiente. Desse modo, percebe-se que no Brasil, ainda existe um grande abismo comportamental no que diz respeito à utilização de produtos de forma consciente. Nesse contexto, há dois fatores que não podem ser negligenciados, como a cultura do consumo e a falta de consciência em relação aos impactos ambientais do consumismo.
Em primeira análise, cabe pontuar que a sociedade contemporânea já está condicionada ao consumismo, de forma que praticam este ato sem um prévio questionamento da necessidade dessa conduta. Comprova-se isso por meio da indústria de eletrônicos, que incentiva o hábito da obsessão por seus produtos, de forma a estimular que seus clientes obtenham artigos novos mesmo com os antigos em perfeito estado de uso. Dessa forma, é notório que um dos caminhos para o combate à cultura consumista é a ampliação da educação social, resultando no maior conhecimento sobre os malefícios desse comportamento.
Ademais, convém frisar que a falta de informação em relação à degradação da natureza pelo consumo, acaba resultando em gerações de indivíduos alienados quanto às causas ambientais. Uma prova disso está nos enormes reservatórios de lixo tecnológico espalhados pelo mundo, que são negligenciados pela humanidade e acabam passando despercebidos aos olhos dos ávidos consumidores. Diante disso, fica claro que é preciso conscientizar a população sobre o real estado do nosso planeta, assim, despertando a consciência ambiental nos cidadãos.
Portanto, medidas são necessárias para atenuar a problemática. É imprescindível que os brasileiros sejam conscientizados sobre o consumo, a fim de que os problema sociais e ambientais sejam diminuidos. Isso pode ser realizado por campanhas da mídia, em parceria com ONGs, expondo o estado dos nossos recursos ambientais por meio de ficção engajada e propagandas em horário nobre. Além disso, é essencial que o Ministério da Educação promova feiras e palestras sobre preservação e consumo exagerado, com o objetivo de criar uma próxima geração mais consciente. Logo, poder-se-á fugir de um destino que ja havia sido comentado por Zygmunt Baumann: "Vivemos tempos líquidos. Nada é para durar." A Terra precisa durar.


Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!