O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: O sistema prisional brasileiro e seus efeitos no século XXI
Título: Prender não resolve

Que o sistema prisional brasileiro há muito deixou de ser um instrumento eficaz de recuperação, se é que um dia foi, não é novidade. O nosso atual sistema é, sem hesitação, uma situação alarmante e de impacto profundo e eminente no cotidiano do nosso país e precisa urgentemente ser resolvido.
Segundo dados do Departamento Penitenciário Nacional - DePeN, a população carcerária vem obtendo um crescimento de 30% a cada quatro anos. Logo, as prisões se tornaram amontoados de pessoas sem esperanças e expectativas de ressocialização, o que acaba por empurrá-los novamente para uma vida de incertezas e criminalidades.
Outrossim, as superlotações são provas vivas das diferenças sociais existentes em nossa sociedade, as classes mais pobres são as mais afetadas, além disso, o preconceito racial também influência nas prisões. No filme, À Espera De Um Milagre, dirigido por Frank Darabont, retrata bem a relação social e racial dos encarcerados, pois conta a história de John Coffey que foi encotrado aos prantos com duas meninas no colo, mortas. Mesmo sem interrogatório ou uma prévia investigação, John foi condenado ao corredor da morte, isso por causa da cor de sua pele.
Diante dos argumentos supracitados, fica evidente a ineficiência do nosso sistema prisional, portanto, é necessário que as ONG's criem trabalhos que ajam dentro dos presídios, estimulando uma profissão para os detentos e os habilitando a voltar para a sociedade. Segundo Pitágoras, se educar as crianças, não será necessário castigar os homens no futuro. Por isso, o MEC deve investir mais na educação, disponibilizando materiais para os alunos e aumentando o salário dos professores como incentivo ao trabalho deles, só assim garantiremos o bem estar da sociedade como um todo.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!