O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: O porte de armas por parte de civis na sociedade brasileira.

Uma Cultura Desarmamentista com problemas cancerígenos
Está sendo discutido na câmara dos deputados a pauta sobre "O porte de armas para os civis". Legisladores entram em um debate incessante afim de chegar a um decreto em liberar ou não o pote bélico em prol a defesa da propriedade privada e a vida. No entanto, a saída para toda violência não é essa atitude, já que o Brasil não se adequaria a essa outra realidade.
Vivemos em uma cultura desarmamentista, e mesmo assim possuímos índices alarmantes em relação ao uso de armas. De acordo com o mapa da violência de 2016, aproximadamente há 20 mortes a cada 100 mil habitantes no Brasil. Ou seja, o uso de armas é inibido pela lei e mesmo assim temos estatísticas assustadoras. É um equívoco afirmar que a solução desse fato que nos envolve é a liberação do porte para civis, pois o problema é muito mais complexo do que se parece.
Quando a lei tentou acabar com a violência restringindo o uso de armas, gerou uma solução temporária. Umberto Eco compara atitudes momentâneas como o Super-Man, ao tentar acabar superficialmente com os problemas sociais, faz com que o fator originário a toda essa barbaridade não se cessem jamais. A desigualdade; desemprego e pobreza que rodeia nossas vidas são alguns dos fatores iniciais para serem minimizados.
Nessa perspectiva, medidas são necessárias para resolver o impasse. Ao falar em Brasil, sem dúvidas o porte de armas no momento é uma medida arriscada tendo em vista uma cultura desarmamentista e inúmeros problemas que envolve nossa sociedade. Para minimizar exponencialmente ao longo dos anos toda essa violência, o empreendedor deve ser valorizado ao tornar o mercado mais livre em relação a toda burocracia que dificulta o surgimento e crescimento empresarial, em consequência o desemprego cairá e assim, juntamente com o investimento na educação ministrada e planejada pelo MEC garantirá uma nação melhor.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!