O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

A observação analítica dos fatos históricos revela que cidades brasileiras planejadas para não sofrer engarrafamentos, estão hoje saturadas de veículos e passam por problemas de mobilidade urbana. Indubitavelmente, um dos fatos que justifica essa problemática é a falta de investimentos governamentais, para obras públicas e para transportes qualificados. Além disso, lamentavelmente, a cultura da sociedade brasileira em não evitar a utilização de transportes coletivos é prejudicial para a mobilidade urbana.


Nesse sentido, de acordo com o site "G1" e "OGLOBO", no Brasil há pouco investimento no transporte público e em vias exclusivas para tais, no qual gera o impacto do engarrafamento nas grandes cidades. Por conseguinte, é sabido que tal situação acarreta problemas de saúde, devido a emissão de poluentes. Além disso, a segurança é afetada, uma vez que, o número de acidentes cresce com tal problemática. Para tanto , faz-se necessário o investimento no transporte público de qualidade , fornecendo conforto e pontualidade


Vale ressaltar, ainda, que o sociólogo Emmanuel Kant escreveu " O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele". Análogo a tal frase, a crise da mobilidade é urbana atualmente é culminada, também, pela falta de conscientização da população, que precisava visar menos o uso do transporte particular, a fim de diminuir os transtornos da mobilidade que assolam a saúde física e mental dos cidadãos. Dessa maneira, é necessário políticas públicas bem bosquejadas com intuito de promover mudanças na cultura e na melhoria dos transportes.


Para minimizar, portanto, os desafios da mobilidade urbana no país atualmente, é essencial a ação do Estado, perpassando as atividades físicas. Dessa forma, o Governo Federal por meio do Ministério da Educação e do Transporte, deve aplicar investimentos severos e delineados na educação de todos os níveis de ensino, por meio de frequentes palestras, como também efetivar as vias públicas com linhas exclusivas para os ônibus coletivos, para que aumente o fluxo de tal veiculo, para que os desafios minimizem-se e as consequências de tal problemática sejam erradicadas, pois esse problema é um descaso do governo perante a saúde da sociedade. Assim, maximizar-se-ia a mobilidade urbana do país.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!