O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Em 22 de agosto de 1940, o escritor austríaco Estefan Zweig mudou-se para o Brasil devido à perseguição nazista na Europa. Bem recebido e impressionado com a nova casa, Zweig escreveu o livro : " Brasil, país do futuro ". Entretanto, quando se observa o descaso no sistema carcerário brasileiro, precebe-se que a profecia não saiu do papel. Desse modo, rever a situação social a qual o penitenciário está submetido é indispensável para avaliar seus efeitos na contemporaneidade.


A princípio, é possível perceber que, a má infraestrutura na maioria das cadeias faz com que os presos firmem uma luta diária pela sobrevivência. Segundo o Levantamento Nacional de Informações penitenciárias (Infopen) o Brasil possui a terceira maior população carcerário do mundo com cerca de 726.721 encarcerados, donde mais da metade dessa multidão é de jovens de 18 a 29 anos e 64% são negros. A falta de espaço faz com que surja problemas como superlotação e deterioração das celas.Ademais, tal condição supre a visão Determinista do século XIX que afirma que o homen é fruto de seu meio . Porém se esse olhar não for combatido, ao final da pena o indivíduo terá dificuldades para se reintegrar na sociedade podendo voltar ao crime.


Outrossim, vale ressaltar que a negligência às condições higiênicas do público feminino e masculino aumenta a cada ano. Segundo o Ministério da Justiça, cerca de 8.605 profissionais de saúde estão cadastrados no Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES). No entanto, apenas 1.112 são médicos.A falta desses profissionais pode provocar problemas, a exemplo de não ter um tratamento quando necessário, isso comprova que o "massacre silencioso" é comandado não por facções, mas por doenças tratáveis a exemplo da Aides,tuberculose, hanseniase e até mesmo por infecções na pele.


Torna-se evidente, portanto, que a maneira que os indivíduos são tratados no cárcere fere os direitos humanos e, por isso, mudanças fazem-se urgente. Logo é necessário que o governo invista na ampliação de novas celas para evitar a super lotação. Além disso, é preciso que as ONGs por meio de atividades esportivas e pedagógicas promova a reinserção social.Ademais, o acesso à saúde pública e um direito universal , desse modo, deve-se ter a contratação de novos enfermeiros e médicos. Com essas medidas, talvez, a profecia de Zweig torne-se realidade no presente.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!