O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

É indubitável que o número de detentos brasileiros vem aumentando deliberadamente nos últimos anos. Nesse contexto, é observável que há superlotação nas prisões brasileiras, além da falta de recursos destinado a estes, o que torna necessária a tomada de novas medidas que resolvam definitivamente a questão. Primordialmente, é válido ressaltar que o Brasil ocupa a 3° maior população carcerária do mundo, segundo o Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen). Além disso, baseado em uma visão ancestral inferiorizadora, os detentos tendem a sofrer preconceitos perante seus atos, o que pode acabar gerando violência entre estes, como forma de se defenderem. Além disso, é incontrovertível que usufruir do melhor estado de saúde é um dos direitos fundamentais de todo ser humano, sem nenhuma distinção. Assim, fica evidente que há deficiência nos recursos de saúde destinados aos presos, visto que cerca de 4 deles morrem por dia em prisões do país, de acordo com o jornal O Globo. Outrossim, de acordo com Michel Foucalt, '' a vontade de saber é reconduzida pela maneira como o saber é disposto numa sociedade''. A partir deste pensamento, é notória a decadência de escolas especializadas para este determinado público, sendo que menos da metade da população carcerária obtém acesso à alguma atividade educacional. De modo exposto, é perceptível que a situação carcerária brasileira carece ser analisada e solucionada. É mister, portanto, campanhas midiáticas abrangentes e objetivas que visem conquistar o apoio da população para este impasse. Ademais, como disse Immanuel Kant, ''o ser humano é aquilo que a educação faz dele''. Aliado a este pensamento, o Ministério da Educação (MEC), deve criar palestras e grupos educacionais em todas as prisões brasileiras, visando promover mudanças psicológicas e comportamentais, com o fito de conscientizá-los sobre seus atos e impedir futuros crimes, e assim, diminuir o número de detentos brasileiros, chegando ao ponto de interromper essa realidade brasileira.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!