O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Norte da Califórnia, EUA. Clay Jensen recebe uma caixa com fitas cassetes que revelam o que ocasionou o suicídio de Hannah Baker. Sobretudo, ao escultar as fitas uma por uma, Clay percebe que cada pessoa citada contribuiu em partes na morte de Hannah, como também, as confusões em Liberty High School, a escola que ela frequentava. Assim, vivendo duplamente aterrorizado: além de enfrentar angústias diárias ao ouvir as fitas, se pergunta o porquê de não ter a ajudado. Embora essa seja a trama da série "13 Reasons Why", não há dúvidas da realidade do problema do suicídio entre os jovens. Nessa perspectiva, há dois fatores que corroboram com o problema exposto: a falta de diálogo dos jovens com a sua família e as escolas não estarem ligadas a isso.
Em primeiro lugar, é importante destacar que, em função dos meios de comunicação, há um aumento da falta de diálogo entre os jovens e sua família, oriundo do fácil acesso as redes sociais que proporcionam a exclusão de diálogos nos lares. Segundo a revista Galileu, foram mais de 100.000 mortes registradas por suicídio de 2007 a 2016, e na maioria dos casos eram por falta de diálogo nos lares. "No meio do caminho tinha uma pedra, tinha uma pedra no meio do caminho." Por meio desse trecho do poeta modernista Carlos Drummond de Andrade, vê-se que determinado problema se configura como um obstáculo na vida das famílias brasileira.
Por conseguinte, a falta de apoio das escolas sobre o diálogo dos jovens com a sua família, causa o desconhecimento de problemas que os adolescentes passam no cotidiano, por conta de não terem ajudas externas para evitar, como por exemplo, o suicídio. Consoante o filósofo prussiano Immanuel Kant, o ser humano é aquilo que a educação faz dele. Dessa forma, percebe-se que as escolas têm um papel importante para evitar a falta de diálogo e, assim, não ocorrer problemas como observados em "13 Reasons Why".
Portanto, é mister que o Estado tome providências para amenizar o quadro atual. Para a conscientização da população brasileira a respeito do problema, urge que o Ministério da Educação, em parceria com o Ministério da Saúde contrate, por meio de verbas governamentais, Psicólogos para estarem mensalmente conversando com os alunos nas escolas sobre os problemas que eles passam no dia a dia. Outrossim, no âmbito familiar, palestras e oficinas devem ser realizadas com pais e filhos relatando a importância do diálogo entre eles. Somente assim, será possível evitar o suicídio de jovens no Brasil e, ademais, escapar de acontecimentos apresentados na série "13 Reasons Why".

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!