O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

OS PERIGOS DAS "FAKE NEWS" NO SÉCULO XXI

Após o assassinato da vereadora Marielle Franco, diversas noticias falsas sobre a mesma foram espalhadas pelas redes sociais, causando uma enorme repercussão e trazendo impactos negativos para a imagem da vereadora. Atualmente no Brasil, noticias falsas são 70% mais compartilhadas que noticias verdadeiras. Porém, medidas eficientes ainda não foram tomadas.
Como dizia Joseph Goebbels, ministro de propaganda do nazismo "Uma mentira repetida mil vezes, torna-se verdade". As "Fake News" podem trazer diversos problemas, afetando áreas da sociedade, podendo até movimentar autoridades desnecessariamente e também afetar pessoas inocentes, as quais possuem sua imagem denegrida perante a sociedade por calúnias que se espalham rapidamente.
Contudo, o problema esta longe de ser resolvido. Tanto sites de noticias como redes sociais, são as ferramentas mais utilizadas na divulgação das "Fake News", a qual a repercussão se da de maneira rápida e junto com a falta de discernimento da maioria da população em analisar a noticia que chega e buscar fontes seguras sobre a mesma, faz com que o número dessas falsas noticias compartilhadas, só aumentem.
Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse e como já dizia Immanuel Kant "O ser humano é aquilo que a educação faz dele", o ministério da educação (MEC) em parceria com a receita federal, poderiam direcionar uma parte do que é arrecadado com impostos e criar propagandas educacionais, conscientizando a população dos danos de publicar e espalhar noticias falsas. Além disso, é dever do poder judiciário garantir que tanto a Lei 12.737/12 (também conhecida como Lei Carolina Dieckmann) e o artigo 138 do códio penal (também usado na punição de crimes cometidos pela a internet) estão sendo devidamente aplicados e caso contrario, aumentar a fiscalização para que haja uma maior punição dos que cometem tais atos.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!