O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Mesmo com o avanço na área da educação, ainda existem pessoas que não sabem ler nem escrever. Por sua vez, o número de crianças fora das escolas tem aumentado, o que é preocupante, algo deve ser feito para que o analfabetismo seja erradicado do Brasil. Nesse contexto, há dois fatores que não podem ser negligenciados como o ascendente número de crianças fora da escola e a falta de investimento no âmbito escolar, o que resulta em mais analfabetos.
Em primeira análise, cabe pontuar que o número de crianças sem estudar têm aumentado. Uma vez que, os próprios responsáveis não incentivam, nem estimulam ao estudo, tendo destaque as pessoas de baixa renda que muitas vezes tem problemas e acabam não dando a devida importância para a educação dos seus filhos. Por conseguinte, acaba prejudicando e atrasando o desenvolvimento da nação, formando cidadãos analfabetos. Segundo o IBGE ( Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apesar de o problema ser mais grave na região Norte e Nordeste , nenhum estado conseguiu até hoje incluir todas as crianças de 6 a 14 anos na escola.
Ademais, convém frisar que a falta de investimento, também pode ser considerado um grande causador da falta de interesse das crianças. Tendo em vista, que inovação e tecnologia nos dias atuais estimulam muitos jovens e principalmente crianças ao ambiente escolar. Comprava-se isso, por meio de uma pesquisa realizada pelo site G1 que publicou, o percentual do número de investimento em tecnologia e diretos básicos nas escolas do Brasil, destacando-se: laboratório de ciências com 11%, internet 61%, biblioteca 36%, acessibilidade 24%, entre outros. Tendo isso em vista, é urgente que medidas sejam tomadas para que as escolas tenham mais investimentos e tecnologias.
Portanto, medidas são necessárias para que essa realidade mude e que mais crianças sejam alfabetizadas no Brasil. É imprescindível que o Ministério da Educação, crie um projeto contendo professores, psicólogos, agentes sociais, que fariam um tour pelas áreas mais afetadas com o analfabetismo, a fim de conhecer a situação que a criança está inserida, conversa com os responsáveis e tomar medidas para que a situação mude. Além disso, o Governo, em parceria com o Ministério da Educação, deveriam investir mais nas escolas, com tecnologia, bibliotecas, laboratórios, a fim de chamar mais atenção dos jovens e crianças, fazendo assim com que vejam o estudo como algo prazeroso e satisfatório.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!