O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

O preconceito linguístico é um grande problema para a sociedade brasileira contemporânea. Não só a falta de conhecimento das variações linguísticas presentes no país, como também, a presença de uma norma culta influência diretamente para a discriminação de outros falantes. Para melhor assimilar o desenvolvimento e crescimento desse obstáculo no corpo social brasileiro, convém analisarmos os motivos e aspectos que se unem a essa adversidade, gerando efeitos negativos para a sociedade.
O Brasil é um país com uma ampla variedade linguística, e a falta de conhecimento de boa parte da sociedade sobre as diferentes formas em que a língua portuguesa pode ser apresentada, é o principal motivo para a persistência desse preconceito. Há diferentes variações ligadas a aspectos culturais, regionais e sociais, em virtude disso, é inadmissível que esse preconceito continue se propagando na sociedade, uma vez que, representa a riqueza da variedade de expressões linguísticas do território brasileiro.
Segundo o sociólogo francês Pierre Bordieu, o domínio da norma culta está diretamente relacionado com a questão da dominação e ascensão social, por consequência, não só concebendo a ideia da existência de uma maneira certa e errada de reproduzir a língua mas também, impossibilitando a aceitação de variações.
Portanto, medidas são necessárias para solucionar o impasse. O Governo Federal deve, através do Ministério da Educação (MEC) incluir na grade de aulas da língua portuguesa, temas relacionados a ampla variedade linguística presente no país, ademais, realizar propagandas para conscientização da população sobre o assunto, dessa maneira, proporcionando conhecimento sobre a questão e impedindo que o preconceito linguístico e seus efeitos continuem se reproduzindo na sociedade brasileira.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!