O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: A questão dos moradores de rua no Brasil

A obra "Capitães da Areia", do escritor modernista Jorge Amado, retrata a cruel situação de moradores de rua e o descaso da sociedade diante deles. Nesse sentido, conforme a música de Cazuza, o futuro está repetindo o passado, já que, atualmente, é crescente a população em situação de rua no Brasil. Dessa forma, é necessário destacar os motivos da expansão da problemática, tal como a falta de assistência governamental em lidar com esses indivíduos. Esses fatores aliados contribuem para o agravamento do fenômeno na sociedade brasileira.

É importante enfatizar, a princípio, que mais da metade dos moradores de rua estão nessa situação por falta de emprego, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Ministério de Desenvolvimento social. Dessa forma, vale salientar que uma parte da população não tem acesso a educação de qualidade e, consequentemente, não tem uma boa formação acadêmica. Isso acaba por não oferecer oportunidades de emprego, e esses indivíduos desempregados e sem perspectiva de ascensão acabam por ter que ir morar nas ruas. Assim, o filme "Em busca da felicidade", com o ator Will Smith, retrata essa situação, o personagem principal têm que passar noites na rua com seu filho após ser despejado. Portanto, fica claro a necessidade de mudança, sobretudo, no sistema educacional a fim de promover a integração dos indivíduos no mercado de trabalho.

Ademais, a falta de assistência do governo com os moradores de rua, contribui para o agravamento da situação. Longe de um local seguro, esses indivíduos enfrentam, diariamente, inúmeros riscos à vida. Encaram a falta de direitos básicos como saúde e educação, frio, fome e preconceito. Tudo isso, aliado, deixa-os em situação de vulnerabilidade. Outrossim, existem abrigos para moradores de rua, no entanto, não é o suficiente para abrigar todos. Nesse contexto, consoante com Durkheim, a maneira como o problema é tratado influência na sua ocorrência. Logo, o desprezo por parte do governo que não oferece a assistência necessária corrobora para a cristalização do fenômeno na sociedade brasileira.

Destarte, cabe ao Governo Federal, aumentar os investimentos em campanhas de assistência ao morador de rua, isso deve ser feito por meio da criação e manutenção de abrigos públicos, oferecendo infraestrutura, alimentação e todos os cuidados necessários com o indivíduo. Além disso, deve ser ofertado meios de trabalho para que eles consigam manter-se e que promovam, também, a reinserção do indivíduo na sociedade. Só fazendo isso será possível promover alteração no atual cenário brasileiro.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!