O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

O movimento de antivacinação, crescente no Brasil contemporâneo, tem posto em alerta a Vigilância Epidemiológica, uma vez que oferece riscos à retomada de doenças até então erradicadas. Tal organização advém da propagação de notícias falsas aliada à desinformação populacional sobre o assunto. Em decorrência disso, urgem que medidas sejam tomadas para subverter esse atual quadro da sociedade brasileira.
A princípio, o Brasil, historicamente, registrou um movimento análogo a esse, que ficou conhecido como a Revolta da Vacina. Atualmente, entretanto, apesar dos meios informacionais, parte da população ainda reside a sua mentalidade no início do século passado, negando a si e aos seus filhos, o direito à imunização. Por isso, doenças como o sarampo e a poliomielite voltaram a ser registradas0000 fenômeno esse oriundo da desinformação da população.
Além disso, a propagação de notícias falsas contribui para reforçar esse comportamento. Para a psicologia cognitiva comportamental, um grupo tende a proceder de acordo aos seus reforçadores, conhecimentos prévios empíricos e a sua afetividade. Assim, ao analisar o atual panorama, as notícias falsas atuam reforçando o ato de não vacinação, ao relacionar as vacinas com o surgimento de outras doenças0000 dessa forma, ao atingir o lado afetivo das pessoas, cria-se um medo e aversão às vacinas.
Portanto, para reverter o movimento de antivacinação, medidas de urgências precisam ser tomadas. Cabe, então, à Vigilância Epidemiológica como também à Fundação Oswaldo Cruz, criarem massivas campanhas publicitárias a respeito da importância da vacinação, vinculando-as nos principais meios de comunicação, como a televisão e as mídias sociais. Ademais, para assegurar o direito de acesso à saúde, cabe à Federação enrijecer as leis de obrigatoriedade da vacinação infantil e, por meio de seus órgãos competentes, fiscalizar o cumprimento das mesmas a fim de garantir a erradicação de doenças e a manutenção da saúde coletiva.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!