O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Na Grécia Antiga, onde foi criado as Olimpíadas, apenas homens tinham o direito de competir. Nota-se, então, que desde a criação dos esportes há uma barreira a ser enfrentada: o machismo. Esse machismo, porém, ainda atinge as mulheres no mundo esportivo, sobretudo quando se trata de futebol.
Na sociologia há o estudo das socializações que o indivíduo sofre ao longo de sua vida, ou seja, suas vivências que determinam algumas de suas características. A primeira socialização ocorre dentro da família, sendo a mais influenciadora, visto que a maneira com que uma pessoa é criada reflete em seus pensamentos e atitudes. Nota-se, também, que ela ocorre de maneira diferente para meninos e meninas, uma vez que lhes são impostos comportamentos distintos, como ocorre na infância quando os garotos recebem estímulos para se exercitarem, jogarem bola, enquanto às meninas é imposto um comportamento mais "recatado", brincando de bonecas e de cozinhar. Esse fato, sem dúvidas, influencia na discussão em questão na medida que desde a infância as meninas encontram empecilhos para adentrar no mundo dos esportes e sobretudo do futebol.

Quando essas meninas crescem encontram mais uma dificuldade: a falta de investimento e divulgação do futebol feminino. Marta ao longo de sua carreira fez 103 gols com a camisa da seleção brasileira feminina, enquanto Pelé, aclamado ex-jogador, fez apenas 95. É notório que o futebol feminino não recebe a devida visibilidade não por sua qualidade, mas sim pelo machismo impregnado na sociedade, que as considera incapazes.

A partir do que foi dito, percebe-se que deve ocorrer mudanças que vão desde a infância à vida adulta. É necessário que os pais, ao educarem seus filhos, os trate de maneira igualitária, ensinando que meninas têm capacidade de jogar futebol tanto quanto os meninos e os estimulem a praticar esportes. Dessa maneira, essas crianças se tornarão mais tolerantes. Além disso, é necessário também que a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) invista em divulgação do futebol feminino, mostrando dados como os de Marta, citado anteriormente, a fim de mostrar às pessoas que há qualidade em mulheres jogando bola que elas devem ser valorizadas também. Desta forma, as mulheres podem ganhar espaço e visibilidade dentro do mundo futebolístico.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!