O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: Os desafios da mobilidade urbana no Brasil
O lema do presidente Washington Luis, foi o de "Governar é abrir estradas",apoiado nesse lema Juscelino Kubitschek incentivou a indústria automobilística. Entretanto, Hordienamente vivemos um problema de mobilidade urbana reflexo desse período, haja vista que, o má administração da mobilidade urbana, em consonância com o aumento irregular na frota de automóveis gera esse problema. necessitando de medidas para ser solucionado, visto que problemas na área da economia e da saúde são afetados diretamente por esse problema.
O governo JK fez o planejamento de Brasília privilegiando o transporte individual, como consequência superlotou a cidade de carros, ponto que atualmente deixa um "nó" na locomoção urbana. As capitais brasileiras sofrem do mesmo problema, muito veiculo para pouco espaço sendo atenuados devido ao não planejamento urbano como Brasília. o transporte público foi uma alternativa para o inchaço rodoviário, entretanto a má qualidade do transporte unidos a atrasos e superlotação só faz do transporte publico um placebo para o problema. rodovias esburacadas, engarrafamentos constantes geram um novo problema, a perda de alimentos perecíveis, segundo o IPEA 25% dos alimentos perecíveis são perdidos no transporte. desse modo, o má administração urbana faz com que esse problema se perpetue.
Outrossim, Considerada meta-síntese do plano de metas de Juscelino Kubitschek,a indústria automobilística foi o motor do desenvolvimento brasileiro, porem,a grande quantidade de automóveis torna o seu uso problemático,tendo em vista que, não a espaço para todos trafegarem livremente, fato que causa os engarrafamentos. De acordo com o DENATRAN, o Brasil tem cerca de 46 milhões de veículos, seguindo um proporção de 1 carro a cada 3 pessoas, dado que só corrobora o problema do inchaço no trânsito. Ademais, problemas de transporte em serviços de emergência levam 15 minutos a mais devido ao transito intenso, fato que torna a resolução desse problema uma obrigação.
Portanto, fica evidente a necessidade de medidas que controlem o transito urbano. dessa maneira é necessário que o Ministério do Transporte junto ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) , atue visando reduzir a quantidade de veiculo no transito, melhorando e incentivando o uso do transporte público, tendo em vista que esse transporta em média 35 pessoas, reduzindo cerca de 6 carros por ônibus, esse incentivo pode ser por meio de propagandas televisivas e/ou uso de uma integração no transporte, dando ao passageiro benefícios por usar o transporte público, visando desatar o "nó" na mobilidade urbana brasileira.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!