O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: Os efeitos negativos da gravidez na adolescência no Brasil
Bonecas por bebês
O Dia Mundial da Prevenção da Gravidez na Adolescência - 26 de setembro - é uma iniciativa internacional que busca propagar a conscientização quanto à saúde reprodutiva e do uso de métodos contraceptivos entre jovens de 10 e 19 anos. Todavia, de acordo com dados fornecidos pela OMS, constata-se que 6 em cada 100 mulheres brasileiras que engravidam, encontram-se nesta faixa etária. Tal fator decorre, principalmente, como consequência da falta de informação sobre tal conteúdo acrescido da banalização da sexualidade, além de suscitar diversos problemas tanto no âmbito social quanto no biológico da jovem.

A priori, mesmo com os avanços tecnológicos na disseminação de informes, a abordagem superficial sobre os riscos da gravidez na adolescência é um elemento vigente. Esta carência midiática e a má orientação do estado sobre a importância de mecanismos anticoncepcionais acabam dando lugar a propagandas, músicas e novelas hiper sexualizadoras, refletindo na objetificação da mulher e promovendo a submissão feminina nos relacionamentos amorosos. Tal problemática afeta majoritariamente famílias de baixa renda, em que os índices de gestação e agressões mais se concentram, revelando a desigualdade social como mais um fator relevante.

Ademais, por se tratar de um tema enraizado na historia do país como "sensível" ou até mesmo "incorreto", há omissão até mesmo por parte da família ou da escola. Um estudo efetuado pelo IPEA constatou que 76% das adolescentes que engravidam, acabam abandonando a escola e como consequência, pela falta de diálogo, podem vir a contrair ou desenvolver problemas de saúde provenientes da gravidez precoce. Os riscos variam de uma infecção vaginal, DST?s, eclampsia ou até mesmo um aborto espontâneo, pondo em risco tanto a vida do bebê quanto a da mãe.

Diante do exposto, é dever do Estado juntamente com os Ministérios da Saúde e da Educação o papel de deliberar acerca de projetos sociais, palestras, debates e atividades em grupo. Tais medidas devem envolver o indivíduo, a família e a escola, visando ampliar o conhecimento e a conscientização a respeito desse tema de forma mais eficaz, para meninas e meninos, analogamente. Como resultado, espera-se uma redução significativa do número de adolescentes grávidas no país e que, por fim, menos bonecas sejam trocadas por bebês.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!