O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Desde os anos 90 com os racionais Mc's e seus raps que retratam a vida e os preconceitos sofridos pela polução pobre e negra no Brasil e possível ver como a música pode ser um ótimo meio de representatividade à pessoas que quase sempre não tem voz. Já nos anos 2000, o funk assumiu esse papel de expor as realidades em morros e favelas, com músicas que muitas vezes retratam a violência e as drogas, mas que também podem ser entendida como arte moderna.
E preciso considerar, antes de tudo, que a cultura de um determinado lugar e em muitos dos casos formada pela população deste local e suas experiências de vida. Dessa forma, e entendível porquê muitas letras de funk falam sobre drogas e violência, pois a realidade ao qual muitos funkeiros estão inseridos dentro das comunidades os expõem a esses tipos de problemas sociais.
Cabe também lembrar, que o funk vem ganhando maior destaque e influência através dos anos. Prova disso, são cantoras como Anita, que conseguiu através de suas músicas expandir internacionalmente o funk, ou até mesmo o cantor MC Fioti que juntou uma letra de funk com um sample da flauta de Bach na sua música "Bum Bum Tam Tam",mostrando assim as proporções que esse estilo de música pode alcançar.
Faz-se, portanto, necessário que medidas sejam tomadas para que o funk ganhe sua devida importância cultural. Cabe ao governo federal juntamente com o Ministério da Cultura criar campanhas socioeducativas que visem,não só reconhecer o funk como um estilo de música essencialmente brasileiro, mas também que busquem melhorar as condições de quem mora em comunidades. para que assim, no futuro, o funkeiros e o funk possam falar de realidades mais positivas e sem violência.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!