O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

É indiscutível que em nossa era pós-moderna, com o fator da globalização, a informação ganhou velocidade em sua difusão, podendo essa ser compartilhada entre milhares de indivíduos em pouco tempo. O problema surge quando esse conhecimento passa a ser difundido sem devida análise acerca de sua veracidade, podendo originar, dessa forma, a transmissão de "fake news".
Parafraseando Kant, em sua obra da teoria do esclarecimento, toda experiência empirista deve ser processada pela razão. Contudo, não é isso o que ocorre em nossa modernidade líquida, dado que as pessoas têm se fixado em um estado de "bolha social", onde não buscam se aprofundar nas informações as quais estão submetidas em seu meio, porquanto acreditar em uma verdade plena.
A problemática fica mais evidente quando passa a oferecer risco à população, ou seja, pós verdades cujo indivíduo denota sem analisar os fatos, conseguintemente colocam em risco a integridade de outrem. Com isso, pode-se surgir notícias falsas de crimes acusando pessoas inocentes, sendo essas capazes de desencadear situações repreensivas e conflitos.
Tendo isso em vista, é necessário que haja interferência do Ministério da Educação em reformas da base educacional, isto é, trabalhar atividades de pesquisa e incentivar o método científico de Kant nas escolas, cuja forma possa transformar comportamentos de insipiência em pessoas críticas. Ademais, projetos de debates poderiam também serem inclusos nesse meio, pois incitariam à pesquisa e a saída de uma possível "bolha social", aliás, poderiam tirar sujeitos da zona de conforto, e consequentemente gerar outras visões sobre o mundo, sendo capaz de originar um novo hábito por busca de diferentes perspectivas.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!