O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Tema: Suicídio entre os jovens brasileiros: como enfrentar esse problema?
Apesar de ter sido escrito há séculos, Romeu e Julieta retrata temáticas muito atuais, como o suicídio. São inúmeros as obras literários e cinematográficas que apresentam o autocídio e o autoflagelamento.Contudo, assim como na obra de Shakespeare como nas obras atuais, é comum a romantização desse feito. Tendo como consequência uma banalização de assuntos tão preocupantes e atuantes na sociedade.
Depressão não é tão perceptível quanto parece. Na maioria dos casos, familiares e amigos não conseguem identificar a doença do indivíduo. Na série ?Treze Razões Porque?, por exemplo, a protagonista luta consigo mesma por uma série de situações vivenciadas, tais como bullying e estupro, e ninguém percebe. Seu suicídio é uma infeliz surpresa para todos e é muito semelhante à milhares de casos que acontecem anualmente no Brasil. Por isso a importância de tratar a depressão com seriedade.
Além disso, é comum as vítimas ficcionais e reais serem enaltecidas como heróis, como se tivessem realizado um honroso ato. Indiretamente banalizamos toda dor e sofrimento que as personagens ou indivíduos, principalmente jovens, passaram. Começamos a transmitir o suicídio como única saída, como única solução. O que não é verdade, o americano Kevin Hines, por exemplo, aos 19 (dezenove) anos, se achando um fardo para todos, se jogou da ponte Golden Gate, em São Francisco e, no entanto, sobreviveu à queda. Hoje ele realiza palestras contando como, assim que ele se soltou da ponte, se arrependeu do que estava fazendo.
Faz-se evidente, portanto, a problematização da depressão e que se pare de romantizar as vítimas. Para resolver esse impasse, é necessário a participação de agentes como o Governo Federal. Nesse sentido, o Ministério da Educação deve propor que cada escola tenha psicólogos ou terapeutas que conversem periodicamente com todos os alunos, principalmente adolescente e jovens, com o intuito de acompanha-los em qualquer dificuldade emocional que possam ter. Desse modo, proporcionaremos a ele a oportunidade de dividir seus pensamentos e de lhes mostrar o quanto são importantes, ajudando a reduzir assim, as taxas de autoflagelamento e autocídio.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!