O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

O Brasil é um país com raízes históricas positivistas e patriarcalistas. Sabe-se que, atualmente, no país, há uma persistência à violência aos homoafetivos, acarretando inúmeras vítimas assassinadas. Dessa forma, o predomínio do conservadorismo e a incidência da violência alimentam as práticas homofóbicas na sociedade brasileira.
Em primeiro lugar, observa-se que o patriarcalismo e o machismo são considerados fatores que causam a intolerância homofóbica. Nesse sentido, ao dizer que ?o homem nasceu para a mulher e mulher para o homem?, percebe-se um predomínio na heteronormatividade, ou seja, só é aceitável como normal aquilo que é hetero, como afirmava Gilberto Freyre, no livro Casa Grande e Senzala. Esse pensamento patriarcal e conservador contraria o relativismo, que corresponde à possibilidade de aceitação das diferenças do outro, como também o exercício da alteridade e o direito do cidadão exercer a igualdade com o próximo, conforme o artigo 5º da Constituição Federal.
Ademais, a persistência da homofobia no Brasil é também o resultado da fragilidade das leis de combate, por falta de punições mais severas aos criminosos. Segundo pesquisa, aproximadamente a cada 52 horas, pelo menos três pessoas são assassinadas no pais, por serem homossexuais. Dessa maneira, a não tipificação de crimes homofóbicos, como as agressões verbais, físicas e assassinatos veem alimentando a impunidade da sociedade brasileira.
Para minimizar, portanto, a persistência homofobica na nação, é necessária participação do Estado. O governo federal deve criar políticas públicas, incentivar o debate e discussões no ambiente escolar e nas mídias, através de campanhas publicitarias e cartilhas. E, também cabe ao poder judiciário a ampliação nas leis, por meio da mudança no ordenamento jurídico para que existam punições mais rigorosas aos intolerantes. Ações como essas, atenuarão os impasses da homofobia, no intuito de haver o melhor desenvolvimento nacional.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!