O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema livre

Hipertensão arterial, doenças vasculares e doenças ortopédicas no sentido de lesões por excesso de peso, são realidades cada vez mais presentes nessa contemporaneidade. A obesidade se torna problema de saúde pública no Brasil, prova disso são dados preocupantes que demonstram que 52% dos homens e 58% das mulheres, apresentam sobrepeso e obesidade, seja por fatores genéticos, influência do ambiente ou hábitos da vida moderna. Cabe analisar, até que ponto a sociedade fechará os olhos para esse fato.
Em primeiro lugar, nota-se uma quantidade grande de projetos que garantem acentos para obesos em aviões e ônibus, ao invés de projetos para combater a doença, com políticas de prevenção e educação. Nesse sentido, a educação alimentar deve passar por uma fase de esclarecimento de ideias, como a falta de alimentação nas dietas restritivas, a coordenadora do projeto genético de transtornos alimentares, Sophien deram, explica que a maioria das dietas não funcionam pois aumentam a vontade de comer, essas devem ser feitas com acompanhamento médico, para assim emagrecer de forma saudável.
É evidente, o papel da atividade física, tanto para prevenção quanto no tratamento da obesidade, porém, é notório a falta de segurança pública e acesso a áreas para realização dessas atividades, espaços de lazer, praças, principalmente nas áreas periféricas. A falta dessa associada a má alimentação, consequência da falta de tempo pelo trabalho ou imediatismo da vida moderna, faz com que os indivíduos optem por alimentos mais rápidos e menos saudáveis, exemplo disso é a crescente economia de fast-foods em centros urbanos. Resultando em crescentes números de cidadãos brasileiros acima do peso.
Fica claro, portanto, a necessidade de medidas afim de combater essa doença, para isso é imprescindível a presença do governo na criação de projetos que visem a profilaxia, por meio de refeições escolares rica em nutrientes, nutricionista nas escolas, locais acessíveis a todos para a prática de exercícios. Com o apoio da escola promovendo incentivos a competições esportivas e alimentação adequada, especialmente ao ensino fundamental, sem esquecer da mídia mostrando os malefícios de uma alimentação rápida e não saudável, por meio de propagandas, comerciais, entrevistas, programas como o bem estar. E assim, conseguir diminuir a taxa de obesidade e aumentar a expectativa de vida.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!