O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema ENEM 2010

Em seu livro ''A metamorfose'', o escritor Franz Kafka discorre sobre a dignidade e como essa surte efeito na vivência social dos indivíduos. Sob tal ótica, é válido frisar que as relações de trabalho contribuem para a construção da dignidade dos cidadãos. Acerca disso, dois aspectos devem ser discutidos:a tenacidade de sistemas escravistas velados na contemporaneidade e como o trabalho influencia nas relações sociais e na autonomia do homem.


    É relevante abordar, primeiramente, que mesmo depois da abolição da escravatura, sancionada pela Lei Áurea em 1888, observa-se, no Brasil, circunstâncias trabalhistas avessas às leis, estabelecidas e veladas por meio de aliciações. Essas, submetem o empregado à condições serviço subumanas,uma vez que acarretam prejuízos à integridade física ou psíquica dele. Conforme pesquisas realizadas por ações fiscais da Inspeção do Trabalho do governo federal, foram identificados cerca de 1,7 mil casos de trabalho escravo no país em 2018, esse dado corrobora à persistência dessa patologia social e denuncia o estado de anomia quanto à essa questão.


      Ademais, de acordo com o filósofo moderno Immanuel Kant, a dignidade parte do princípio ético e racional que distingue o ser humano dos demais seres. Em harmonia com esse pensamento, Franz Kafka discorre sobre a vida do personagem Gregor Samsa, que certa manhã se encontra metamorfoseado em uma criatura semelhante à uma barata, e, após esse acontecimento é impedido de trabalhar pelo seu patrão devido à sua aparência temerosa. A partir disso, sua família começou a tratá-lo como um reles inseto, cujas necessidades eram ignoradas.O romance supracitado, além de materializar a filosofia kantiana, demonstra como o ofício é essencial não apenas para a garantia da dignidade e autonomia, mas também para o reconhecimento desses atributos dentro das relações sociais. 


       Com estas constatações, evidencia-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas públicas que visem a melhoria do quadro atual. Nesse sentido, urge que o Ministério do Trabalho, com verbas governamentais, promova um aperfeiçoamento na fiscalização dos direitos trabalhistas, constituindo secretarias voltadas para orientar indivíduos e apanhar denúncias sobre este tipo de exploração,e com base nisso, atenuar os danos causados por essa patologia social ao ressacir os trabalhadores prejudicados e punir os infratores. Com isto, espera-se reverter o estado de anomia vigente e proporcionar melhores condições de serviço para a população.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!