O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Tema ENEM 2005

Mesmo após a obtenção de avanços nos direitos das crianças, como com a criação do Estatuto da Criança e do Adolescente no qual assegura a integridade desse público, o trabalho infantil persiste na sociedade brasileira e ocorre tanto em função da omissão da família e da sociedade como por conta do descaso do poder público para com esse problema. Destarte, é fundamental analisar as razões que tornam essa problemática uma realidade no mundo contemporâneo.


A priori, a omissão da sociedade ocorre principalmente em virtude da recorrência desse cenário que gerou uma consequente naturalização e invisibilização desse problema. No que diz respeito às famílias, estas, muitas vezes não encontram outra alternativa para garantir a sua sobrevivência, assim como vêem o trabalho infantil como uma saída para que os seus filhos não se incorporem na marginalidade. Esse panorama acontece em um fluxo contínuo e corrobora na constituição de um problema social que tem tomado proporções cada vez maiores, gerando consequências como a evasão precoce destas crianças na escola e até mesmo a não inserção nelas. De tal forma, essas crianças tendem a ter futuramente mais dificuldade para encontrar empregos de qualidade, tanto pela falta de qualificação quanto pelo preconceito que se tem com aqueles oriundos de comunidades periféricas, visto que, normalmente essas crianças são destas comunidades.


Ademais, é cabível salientar o contexto em que se vive como impulsionador desse problema, uma vez que, historicamente há um descaso do poder público com essa população ao não proporcionar recursos que possibilitem uma melhoria na qualidade de vida dessas pessoas que vivem à margem da discriminação e lutam diariamente para garantir o pão de cada dia. Desse modo, faz-se necessário a reformulação dessa postura do Estado, pois, como citado pelo escritor Huxley: fatos não deixam de existir apenas porque são ignorados.


Diante da gravidade dessa questão, se faz necessária uma mobilização conjunta do Estado e da sociedade visando a erradicação desse problema. De tal forma, é inadiável que o Governo realize o investimento em ações direcionadas à essa causa, como através de investimentos no CRAS, promovendo o acolhimento dessas crianças e de suas famílias por meio de Assistentes Sociais e Psicólogos especializados. Além disso, é de suma importância que a sociedade se sensibilize ao se deparar com crianças nestas situações de vulnerabilidade, promovendo uma escuta de qualidade sobre os seus problemas e uma posterior direcionamento destas crianças para estes Centros. Essas ações, se iniciadas no presente, serão capazes de modificar os rumos do futuro da sociedade brasileira.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!