ENTRAR NA PLATAFORMA
Telenovelas brasileiras como influência social

   Há de se caucionar que as telenovelas têm grande influência no mundo atual, uma vez que milhares de pessoas consomem esse tipo de mercadoria diariamente. Por exemplo, em 2006, um episódio de uma novela portuguesa (Morangos com Açúcar) gerou um escândalo no país quando uma doença fictícia criada pela novela começou a se assemelhar com uma nova enfermidade que estava aterrorizando a população. A partir disso, é verossímil afirmar que as telenovelas alteram o âmbito social vivido hodiernamente, devido, conforme o pontuado por Karl Marx, à ilusão de que a felicidade seria alcançada com a posse de mercadorias.


 
   Em primeira análise, é fulcral afirmar que a Indústria Cultural é a principal responsável pela problemática em questão. Dessarte, segundo os filósofos Adorno e Horkheimer, alunos de Frankfurt e defensores da "Teoria Crítica", o sistema capitalista, através da Indústria Cultural, não vende apenas produtos, mas sim um pseudo-felicidade que desperta um desejo compulsório de consumo nas pessoas. Desse modo, a análise da Indústria Cultural vai de encontro com o pontuado por Karl Marx, o que, por consequência, evidencia a grande alienação das telenovelas sobre as pessoas.



   Em segunda análise, é importante destacar que, para Platão, por exemplo, a psique da alma humana é uma relação tripartida entre a razão, a emoção e os sentidos, dessa maneira, um ser humano só atingiria a harmonia psicológica e felicidade através de uma alma capaz de equilibrar estes três aspectos. Assim sendo, é possível inferir que o uso em massa das telenovelas brasileiras pode interromper o processo de equilíbrio, uma vez que seria desperta uma falsa felicidade nas pessoas ao assistir às produções televisivas. Logo, faz-se imprescindível a resolução desse óbice, dado que a alienação criada por esse mercado transforma, de maneira ruim, a vida da sociedade brasileira.



   Portanto, medidas são necessárias para que essa resolução se torne realidade. Destarte, cabe à Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) utilizar a problemática de forma benéfica à população. Através de propagandas, o órgão federal deverá disseminar nos canais abertos, informações sobre a Indústria Cultural, de modo que as pessoas fiquem conscientes quanto a utilização das telenovelas. Isto posto, a sociedade poderá se beneficiar com a Indústria Cultural, em vista que, através disso, a razão, emoção e os sentidos serão finalmente equilibrados, o que, por conseguinte, distanciará situações como a ocorrida durante a novela portuguesa. 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde