ENTRAR NA PLATAFORMA
Telenovelas brasileiras como influência social
Percebe-se que, no Brasil, as telenovelas são uma grande influência social. Nesse contexto, é imperioso analisar as consequências dessa questão. Desse modo, dois fatores fazem-se relevantes: os conteúdos apresentados e a fraqueza intelectual.
Em primeiro lugar, segundo o escritor George Orwell, a massa mantém a marca, a marca mantém a mídia e a mídia controla a massa. Diante desse nexo, observa-se que muitos conteúdos apresentados pelas telenovelas controlam a população, haja vista que elas explicitam padrões de beleza, estilos únicos de moda e impelem, várias vezes, a violência verbal, física ou sexual. Nesse sentido, os cidadãos têm suas vidas influenciadas e, por conseguinte, modificadas ou moldadas pela mídia.
Ademais, conforme o arte-educador Demétrio Sena, estamos na idade mídia com cabeças de idade média, ou seja, somos uma geração medieval. Perante essa ótica, verifica-se que a sociedade brasileira é controlada pela mídia das telenovelas devido à fraqueza intelectual presente nas pessoas, uma vez que os indivíduos não têm capacidade para, logo após assistirem ou ouvirem algo, ter senso crítico, com objetivo de não se alienarem, dessa forma, confirmando cada vez mais o quanto a comunidade "moderna" está intelectualmente fraca.
Em face do exposto, intentando uma nação mais sábia, consoante o pensador Auguste Comte, é preciso saber prever a fim de prover. Assim, o Ministério da Educação e o Ministério da Cultura devem realizar projetos que visam otimizar a educação dentro das escolas, além de criar campanhas e palestras de reinvindicação de conteúdos -sem fito educativo ou de crescimento intelectual- maléficos que as telenovelas expõem, por meio de políticas públicas e dos veículos comunicativos, com intuito de fortificar a mente dos cidadãos, usar as mídias para propagar assuntos benéficos e tornar a densidade demográfica evoluída como um todo.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde