O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Suicídio entre jovens

O seriado "13 reasons why" conta a história de uma jovem que tira a própria vida e deixa um conjunto de gravações nas quais aponta as razões que a teriam levado a cometer a ação. Já fora das telas, essa é uma realidade no Brasil, onde o número de casos de suicídio entre jovens tem aumentado significativamente nos últimos anos, o que torna necessária a aplicação de medidas que resolvam o impasse.
Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o suicídio já mata mais jovens que o HIV em todo o mundo. Diante deste quadro preocupante, constata-se que os indícios que levam à execução do autocídio são, muitas vezes, relacionados com sintomas de depressão e ansiedade, que por sua vez são consequências da união de uma série de fatores, como o bullying e as dificuldades de convivência com ele conjugadas.
Contudo, a problemática está longe de ser solucionada, visto que é comum a vítima não receber a assistência de que realmente necessita. Isso acontece devido a falta de apoio por parte de instituições educativas, que não possuem um auxílio psicológico qualificado em sua maioria, ou até mesmo por parte da própria família, que tende a considerar os sinais como normalidades ou dramas. Com isso, o adolescente passa a apresentar quadros cada vez mais sérios, já que são problemas difíceis de se resolver solitariamente, levando por fim ao suicídio.
Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. É importante que haja a existência de um profissional da área da psicologia em cada instituição escola, de modo que auxilie as vítimas da problemática. Por isso, é indispensável a criação de uma lei, pelo Ministério da Educação, que torne obrigatória a presença de um auxílio psicológico qualificado nas escolas. Além disso, é imperativo que as pessoas tenham consciência a respeito das razões que levam alguém a optar pelo suicídio, para que então possam ajudá-lo, para isso o governo precisa investir em campanhas publicitárias, como propagandas nas redes sociais, de modo que as vítimas se sintam melhor e mudem suas concepções sobre a prática do autocídio e finalmente não o exerça.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!