O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Suicídio entre jovens

"Quando uma pessoa pensa em suicídio, ela quer matar a dor,mas nunca a vida". A frase do escritor e médico Augusto Cury,levanta a questão de que um suicida,nunca quer acabar com a sua vida,mas com a dor que lhe consome.De fato,os suícidas normalmente são pessoas que já chegaram no seu limite,por isso querem de qualquer forma matar a sua dor,pois o que doí não é mais o corpo,mais sim a alma e o que os leva á tamanho sofrimento é motivado por diversos fatores como a química do cerébro estar errada,depressão e falta de alguém para desabafar.


É notório, que a maioria dos suicidas não encontraram uma resposta ou uma "válvula de escape" para dor por isso acabaram se auto destruindo,fora que muitos ainda são julgados quando procuram ajuda de alguém,ja que á maioria das pessoas respondem que é "falta de Deus", o que é inveridíco,já que religiosos como o padre Fabio de Melo, também no augue da dor pensou em cometer o ato,mas esse não levou adiante.Outro fator, que deve ser levado em consideração quando se fala em suicidio é a depressão,já que em 80% dos casos, a pessoa tinha depressão, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).


Todavia,é de suma importância lembrar que a maioria dos suicidas não mostram muitas vezes que vão cometer tal ato,o que torna difícil a missão de ajuda-los de alguma forma.Doravante,apesar de muitos indivíduos,não levarem a sério o suicídio,este é tratado como questão de saúde pública, já que a cada 40 segundos um suicídio é registrado, sendo considerado assim á décima quarta causa de morte no mundo inteiro,segundo a Orgnização Mundial da Saúde ( OMS).Entretanto,muitas vezes os casos de suícido são deliberadamente mascarados pela mídia,pois, após pesquisas feitas pela Universidade de São Paulo (USP),cada vez que se ouve algo relacionado ao suicídio uma pessoa que está em relação semelhante acaba cometendo o ato.


Contudo,para tentar impedir o aumento do número de suicidos é imprescindível a divugação do Centro de Valorização á vida (CVV),através de divulgação pelas midias sociais, cartases pelas ruas, falando sobre o trabalho que eles fazem, psicologos nas escolas apoiando as crianças e jovens que demostrarem algum sinal que vão cometer tão ato , assim como o Governo do Estado colocar mais psicológos nos postos de saúde para tratar essas pessoas e os proprios jovens tomarem coragem para pedir ajuda , para assim, ficarem cientes que nada é pra sempre e a dor um dia vai passar.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!