O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Situação dos idosos no Brasil e no mundo

Desde o Iluminismo, muitos teóricos pregam que uma sociedade só progride quando seus cidadãos se mobilizam para resolver o problema do próximo. Contudo, parte dos brasileiros e da classe política vão de encontro a esse ideário, quando se fala dos problemas vividos pelos idosos em meio a seu grupo familiar. Isso se evidencia não só pela grande quantidade de idosos abandonados em casas de repouso, mas também pelo crescente número de agressões sofridas por estes dentro de seus lares.
É irrefutável que essa mazela social existe e vem se ampliando. Segundo Sócrates, patrono da filosofia ocidental: "Os erros são consequência da ignorância humana". Seguindo esse juízo, aqueles que retiram seus parentes, mais velhos, do convívio familiar e os deixam em um asilo, justamente na fase da vida que para esses idosos o que mais vale é estarem juntos às suas famílias, é um ato covarde e desumano. E esse fato é simplesmente, muitas vezes, ignorado pela sociedade em geral como se o mais velho fosse um ser sem valia. Consequentemente, isso maximiniza as dificuldades já encaradas por esses cidadãos.
Vale também ressaltar que as agressões que muitos deles sofrem por parte de quem devia os proteger é outro ponto a ser observado. Tal fator acaba se materializa em casos como o veiculado pelo portal G1, segundo o qual em Curitiba/PR, no ano de 2016, teve quase 400 casos de agressões contra idosos registradas e desses 75% foram no ambiente familiar. Esse cenário demonstra o quão é rotineira essa prática delituosa onde nem sempre os agressores são denunciados e quando são as punições, na maioria dos casos, são brandas. Diante do exposto, é perceptível o cotidiano de torturas que muitos idosos vivem.
Fica evidente, portanto, que medidas precisam ser tomadas para resolver esse impasse. Nesse sentido, cabe ao Poder Legislativo Federal, por meio de alteração na lei vigente e sua posterior aprovação, tornar a pena para quem comete agressão contra idoso mais rígida, mitigando essa prática delituosa e tornando essa nação um ambiente seguro para terceira idade viver em paz. Ademais, o supracitado poder, por meio de parceria com a mídia, deve veicular campanhas publicitárias de cunho educativo para educar a população sobre como entender e respeitar as limitações dos mais velhos, melhorando os vínculos afetivos desses com os idosos. Assim, o Brasil estaria seguindo o ideário Iluminista de sociedade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!