ENTRAR NA PLATAFORMA
Saúde mental no século XXI

Promulgada pela ONU em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito à vida, à saúde e ao bem-estar social. Conquanto, o adoecimento mental global impossibilita que parcela da população desfrute desse direito universal na prática. Nessa perspectiva, cabe avaliar os fatores que favorecem essa inercial problemática.


A série americana "13 Reasons Why" retrata a história de Hannah Backer, uma adolescente que vivência o bullying, a violência sexual, a decepção amorosa, entre outros, e adquiri depressão. Analogamente, muitas pessoas enfrentam esses problemas no século XXI e, na maioria das vezes, o sofrimento psíquico não é notado, o que pode ocasionar automutilação e até suicídio, uma violência contra si mesmo, como ocorreu com Hannah. E, como defende o filósofo Sartre, a violência, independe da maneira que se manifesta, é sempre uma derrota, e nesse caso, uma derrota de toda a humanidade.


Faz-se mister, ainda, salientar o transtorno de ansiedade. Indubitavelmente, a pressão de ser notável, bem sucedido e seguir padrões estéticos são os principais fatores para o aumento desse transtorno nas últimas décadas. Diante de tal contexto e, também, da não proporcionalidade na busca para cuidar da mente, foi decretada no início de 2019 a Lei 13.819 que institui a Política Nacional de Prevenção da Automutilação e do Suicídio. Tal lei é uma estratégia para prevenção desses eventos e para o tratamento de seus condicionantes.


Portanto, algumas medidas são necessárias para atenuar o problema e garantir a aplicação da lei e os direitos comuns de todo cidadão. Urge, então, que o Ministério da Saúde, em parceria com o Ministério de Comunicações e Tecnologias, desenvolva um aplicativo de interação entre os indivíduos com adoecimento mental  e profisisonais da área a fim de influenciar a busca de tratamento e reduzir o número de suicídios e automutilação. Ademais, o Ministério da Educação deve promover, nas escolas, campanhas de sensibilização com o objetivo de minimizar os fatores que estimulam o surgimento e fortalecimento de distúrbios psíquicos. Dessa forma a Lei 13.819 contribuirá para garantir qualidade de vida.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde