O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Retrospectiva - Tema de Redação ENEM (2009): O indivíduo frente à ética nacional

O movimento "Vem pra rua", iniciado em meados de 2013, levou centenas de milhares de brasileiros para as ruas, com o intuito de lutar contra a corrupção do antigo governo. Porém, percebe-se que a corrupção não é algo que vive apenas nos dias atuais, e sim, algo que vem crescendo desde as primeiras habitações da história do Brasil. Contudo, será a sociedade o que corrompe a moral ou o próprio indivíduo? 


Primordialmente, deve-se conhecer as definições de moral e ética. Segundo a sociologia, a moral é relativa aos costumes, diferente da ética, que é designada como o caráter e/ou modo de ser. Sendo assim, a construção da sociedade brasileira foi baseada na escravidão e na falta de ética daqueles que "descobriram" o novo mundo. Padrão que foi seguido até os dias de hoje e que é nomeado de "jeitinho brasileiro". Isso, fez com que a honestidade perdesse espaço para a corrupção, invadindo todos os lugares possíveis, fazendo com que o Brasil caísse no Índice de Percepção da Corrupção (IPC) em 2019, segundo o Portal da Transparência.


Posteriormente, é de suma importância que todos se atentem às consequências dos desvios e da falta de ética dos governantes perante o povo. Podendo apontar a elevação das taxas e juros, escassez de investimentos para com a educação, saúde e desenvolvimento, aumento do desemprego e inutilidade de verbas púlicas, fatores cruciais que mantém o Brasil um país em desenvolvimento, não um país desenvolvido, como por exemplo: Canadá, Estados Unidos da América e a União Européia. Então, seguindo a linha de raciocínio platônico, a ética nos traz a felicidade e conduz o indivíduo para a prática do bem, o que não tem a ver com riquezas e sim com a prática das virtudes do próprio ser humano.


Podendo assim concluir que, para que o ser humano seja um ser virtuoso e feliz, precisa-se inverstir na educação como um motor que impulsionará os valores e transformará a sociedade como um todo. Consequentemente, o Governo Federal, juntamente com o Ministério da Educação, devem trabalhar lado a lado para a criação de um projeto que visa trazer para as escolas o estudo da moral e ética, mais do que um assunto, e sim uma filosofia de vida. Logo, deve ser destinado uma parcela do Produto Interno Bruto (PIB), para que haja meio para esses fins. Para que, segundo Platão, com a prática do bem e do prazer, o homem possa crescer.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!