O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Retrospectiva - Tema de Redação ENEM (2009): O indivíduo frente à ética nacional

 Na literatura pré-modernista de Lima Barreto, Triste Fim de Policarmo Quaresma, há uma crítica ao ufanismo brasileiro, a qual o indivíduo têm um patriotismo exarcebado, acabando por se tornar ingênuo diante das relações entre indivíduo e política. Hodiernamente, essa problemática acaba facilitando a manipulação de massas e ocasionando uma crise ética no Brasil.


 Em primeira análise, a política têm como função manter o afeto entre os indivíduos, afirma o filósofo, Aristóteles, porém ela também pode ser usada como fonte de manipulação, prejudicando a ética nacionalista, assim como ocorreu no acidente de Chernobyl em 1986, a qual a URSS mudou informações sobre o acidente para a população, afim de evitar gastos e maiores transtornos, o que ocasionou pela radiação, a morte de algumas pessoas que viviam nos arredores da usina.   


 Outrossim, o conceíto de patrimonialismo criado pelo sociólogo, Max Weber, representa a princípal vertente da crise ética vivida atualmente no Brasil, pois há o tratamento da esfera pública como privada, ocasionando problemas como a corrupção e consequentemente, desmotivando a população de ter uma participação efetiva na política. Em conformidade ao exposto, o padre Frei Vicente afirma em 1617, "No Brasil ninguém é público, porque todo mundo é casa".


 Portanto, para enfrentar a crise ética e a manipulação, a Controladora-Geral da União em conjunção com o Ministério da Justiça, deve por meio de investigações, buscar casos de corrupção e julgá-los, cobrando indenizações, afim de repor o desvio de verbas, além de punir em conformidade com a constituição, os culpados. Dessa forma, a população se sentiria estimulada para se manisfestar politicamente, ajudando a enfrentar essas problemáticas que atuam no Brasil.                                                                                                                 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!