ENTRAR NA PLATAFORMA
Redes sociais e o novo conceito de felicidade

O modelo de corpos fortes e definidos, originados há anos na Grécia, esteve fortemente ligado à felicidade do ser humano em ter o corpo esbelto e musculoso. Atualmente, o bem-estar populacional encontra-se conectado às Redes Sociais. Visto que, as pessoas procuram a felicidade no ambiente virtual, utilizando constantemente o mesmo. Como também, aceitando a superficialidade sobre a vida real advinda desse ambiente.


Em primeiro lugar, o uso das Redes Sociais tornou-se um problema para o ser humano. Como citou o poeta John Dryden: “O excesso nos empobrece”. Com isso, a utilização exacerbada de sites, como Instagram e Facebook, incentivou a comparação de realidades individuais. Em consequência, a população convive com a ideia de que a vida do outro é mais feliz do que a sua própria. Colocando a impressão de que é necessário seguir os mesmos passos para obter a mesma felicidade.


Por outro lado, quem transmite essa ideia de superficialidade também é afetado. A exemplo, a série americana titulada de “Black Mirror” trouxe para as televisões dos cidadãos um episódio da qual a personagem principal vive apenas para mostrar, no âmbito cibernético, uma vida perfeita da qual a mesma não tinha. Fora da ficção, tal situação tornou-se uma realidade. De modo que, muitas pessoas vivem com a ideia de mostrar para os outros suas conquistas, criando uma realidade alternativa em que sua vida não é uma luta diária.


Diante dos elementos supracitados, é necessário que medidas sejam tomadas. O Estado, por meio de palestras em escolas, mostre para as crianças brasileiras as reais consequências de tais práticas. Assim também, as empresas proprietárias das Redes Sociais, por meio de algoritmos, alterem suas funções a fim de diminuir essa prática de realidades perfeitas. Dessa forma, pode-se mostrar as pessoas que é possível encontrar a verdadeira felicidade fora da internet.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde