O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Redes sociais e a nova era da comunicação

Após a Revolução Industrial, ocorrida no século XVIII, notou-se o intenso desenvolvimento das redes sociais e o surgimento de uma nova era da comunicação. Diante disso, por um lado, diversas são as vantagens decorrentes do uso das mídias digitais, facilitando o cotidiano e estreitando as interações globais. Contudo, por outro lado, a interferência deste veículo de comunicação nas relações sociais vem causando problemas coletivos alarmantes.

De acordo com Steve Jobs, empresário e magnata estadunidense, a tecnologia move o mundo. Com isso, não é dificil constar que tal afirmação é a representação da sociedade contemporânea, especialmente no Brasil, onde 116 milhões de habitantes usufruem das midias digitais. Isso ocorre porque as redes sociais facilitam a comunicação; dos 116 milhões outrora citados, 97% se valem da internet para conversas online. Logo, a facilitação se mostra notória, uma vez que a locomoção para situações urgentes estão tornando-se cada vez mais desnecessárias com a presença da tecnologia. Ademais, verifica-se a intensificação da globalização, tendo em vista que com as redes virtuais, a comunicação expande e tende a tornar-se democrática ao redor do mundo. Com isso, as relações internacionais e interações globais estão ganhando força com a dita nova era da comunicação.

Contudo, embora estas vantagens existam , observa-se problemas no que tange ao uso intenso das redes sociais. Sendo assim, a pressa dita o ritmo das mídias e se nega a reflexão, intensificando a superficialidade, como pontua o filósofo francês Paul Virilo. Com isso, tal imposição da velocidade e superficialidade originam adversidades nas relações sociais, acarretando problemas como o consumismo, por exemplo. Posto isto, dados da revista Exame apontam que 74% das pessoas consomem de acordo com a indução das mídias digitais, o que estabelece, portanto, a relação entre consumo e mundo virtual. Ademais, com seu caráter superficial apontado por Virilo, a nova era da comunicação compromete a saúde mental de muitos jovens que, manipulados, acreditam que é verossímil a falsa vida apresentada nas redes socias.


Em virtude disso, o Ministério da Educação deve introduzir à grade curricular dos ensinos fundamental e médio, matérias relacionadas à étina na informática e mundo digital por meio de aulas alternativas e dinâmicas. Tal medida terá como fim a educação virtual e consciência a respeito do uso adequado das redes sociais. Diante disso, crianças e adolescentes evitarão maiores problemas ligados a nova era da comunicação e atrasarão a velocidade e superficialidade outrora citadas e apontadas por Virilo.



Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!