ENTRAR NA PLATAFORMA
Pressão estética na sociedade atual
Bonecas, revistas de moda, novelas, instagram e blogueiras. Atualmente, vivemos em um constante bombardeio de culto ao corpo perfeito, criando padrões e submetendo a sociedade a uma pressão estética. Diante disso, além de uma população psicologicamente doente, a imposição constante por ser magro ou musculoso traz consequências como bulimia, anorexia e até o risco de morte em procedimentos estéticos.

Diferente do ideal de beleza exercido na Grécia Antiga, onde existia em sua maioria apenas a valorização do corpo do homem, hoje essa influência também atinge as mulheres. Um exemplo disso foi reportado pela mídia em 2007, com a cantora Britney Spears, que foi chamada de gorda por alguns fãs. Outro exemplo que repercutiu recentemente na mídia, foi o caso da atriz Bruna Marquezine, sendo criticada pelo formato dos seios e por não fazer cirurgia para implante de silicone.

A partir disso, para comprovar o enraizamento dos padrões estéticos na sociedade, foi realizada uma pesquisa pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica (Isaps), que evidencia o Brasil em segundo lugar no ranking dos países que mais fazem cirurgias plásticas, perdendo apenas para os Estados Unidos. No entanto, devido aos altos preços dessas intervenções cirúrgicas no Brasil, muitas mulheres têm se arriscado em realizar esses procedimentos na Venezuela, com médicos sem especializações e sem a estrutura necessária, tendo como resultado a morte de 16 brasileiras em 2016.

Como disse Luiz Gasparetto: "Os padrões negativos vem de ideias erradas que a gente abraçou". Portanto, é de suma importância a ação das escolas em parceria com as ONG's na promoção de debates e palestras em sala de aula, a fim de promover a diversidade de belezas. Simultaneamente, se faz necessária a colaboração da mídia junto as ONG's no projeto de lançamento de comerciais e pôsteres educativos, além de palestras com profissionais da psicologia pelas cidades, proporcionando a desconstrução de padrões e propagando a heterogeneidade estética.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde