ENTRAR NA PLATAFORMA
Poluição do ar e seus impactos na saúde da população

   Na década de 1970, até os dias de hoje, o modelo de produção "Toyotismo" eclodiu no mundo comercial, em que empresas produzem de acordo com a demanda, gerando o consumismo, ou seja, pessoas com paixão por fazer compras em excesso. Dessa forma, por conta desse sistema, o planeta começou a perder recursos e, ainda, ficou com um ar mais sujo.  Tudo isso pela cobiça das empresas só produzir e por não tomar medidas sanitárias efetivas.


   Inicialmente, é importante ressaltar a ganância das empresas. Na colonização do Brasil os portugueses devastam o litoral para comercializar o pau-brasil, árvore que produzia uma tinta muito cara na época. Semelhantemente, os recursos naturais, como o Petróleo, por parecerem infinitos, são utilizados descontroladamente por indústrias automobilísticas, por exemplo, para seus veículos. Dessa forma, o mundo vai se degradando.  


   Por conseguinte, o planeta vai sendo engolido pela poluição gerada por esse capitalismo desenfreado. Na Guerra Do Vietnã os Estados Unidos usam o "Agente Laranja", a arma química que causa o câncer e deformações no corpo. Analogamente, hoje indústrias, como as petroquímicas, lançam para atmosfera o Dióxido de Carbono, causador de doenças como o câncer do pulmão. Diante disso, é visível a responsabilidade industrial. 


   Portanto, é necessário resolver a problemática. A Organização Mundial da Saúde e os Países do Globo devem elaborar medidas sanitárias que limpem as camadas de ar e, ainda, precisam buscar frear as empresas poluidoras. Tudo isso através de Leis que visem impedir a degradação do meio ambiente, a fim de ter um futuro melhor e mais limpo no belo planeta Terra.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde